Governo alemão diz que Navalny foi envenenado com fórmula da União Soviética

Por Metro Jornal com Ansa

O porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert, afirmou nesta quarta-feira (2) que o líder de oposição Alexei Navalny foi envenenado utilizando uma substância do tipo novichock – termo que engloba neurotóxicos desenvolvidos pela União Soviética na década de 1970.

O opositor russo foi internado em 20 de agosto em Omsk, na Rússia, e foi transferido para o hospital Charitè, em Berlim, três dias depois.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

LEIA MAIS:
AO VIVO: Banco Central lança nota de R$ 200, estampada por lobo-guará
São Paulo tem quase 300 novas mortes por covid-19; veja balanço de quarta

Seibert informou que o grupo hospitalar enviou amostras de sangue de Navalny para um laboratório especial do Exército alemão. O resultado, conforme o representante, "não deixa nenhuma dúvida" da presença da substância no corpo do russo.

Desde que foi internado em Berlim, os médicos alemães informaram que acreditavam que uma neurotoxina tinha sido dada a Navalny por conta da detecção da redução dos inibidores da colinesterase. Apesar de dizer inicialmente que encontraram uma substância tóxica, os médicos russos voltaram atrás e disseram que essa alteração na colinesterase tinha sido causada por uma desordem metabólica.

Por sua vez, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, afirmou que o governo de seu país não teve acesso aos resultados dos exames clínicos e que desconhece a informação.

Nesta quarta, sete ministros do gabinete de Angela Merkel se reuniram para deliberar os próximos passos do governo alemão sobre o caso.

Veneno russo
Os venenos novichok foram utilizados contra diversos adversários do governo local ao longo das décadas, inclusive o ex-espião Sergei Skripal. Esse tipo de substância pode ser usada de diversas formas, sendo a inalação a mais comum, e causa efeitos rápidos – em alguns casos, em apenas 30 segundos após o contato. Entre os sintomas estão desde vômitos até convulsões e morte.

Loading...
Revisa el siguiente artículo