Rodízio: isenção a portadores de deficiência é ampliada para região metropolitana

Por Metro Jornal

A Prefeitura de São Paulo anunciou que as regras que concedem isenção de rodízio para as pessoas portadoras de deficiência será ampliada para atender pessoas que residam nos municípios que fazem parte da Região Metropolitana de São Paulo.

Para conseguir o benefício, é necessário que o portador de deficiência ou o responsável pelo seu transporte comprove necessidade de transitar na capital em dias de rodízio. Atualmente, pouco mais de 160 mil veículos estão cadastrados tem autorização para circular na capital em horário de rodízio.

Para se cadastrar e solicitar a isenção, o motorista deve se adequar às seguintes condições:

– conduzidos por pessoa com deficiência física da qual decorra comprometimento de mobilidade, ou por quem as transporte;
– conduzidos por quem transporte pessoa com deficiência mental, intelectual e visual;
– conduzidos por pessoa portadora de doença crônica, que comprometa a sua mobilidade, ou por quem a transporte;
– conduzidos por pessoa que realiza tratamento médico continuado debilitante de doença grave (como quimioterapia, radioterapia e hemodiálise), ou por quem a transporte. Neste caso, é necessário documentação médica.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo