5 sinais que você está em um relacionamento abusivo

Por Victória Bravo

O relacionamento abusivo voltou a ser pauta em diversas discussões nas redes sociais. A situação é complexa, e infelizmente, a grande maioria das mulheres e muitos homens estão expostos a esse risco.

Algumas pessoas tentam se enganar e justificar esse tipo de relação como se elas apenas fossem guiadas pelas “emoções” e uma “paixão intensa”. A verdade é que esse tipo de romantização do relacionamento abusivo só torna a situação ainda mais crítica.

O Ph.D. Ronald E Riggio especializado em psicologia, apontou os cinco principais sinais de um relacionamento abusivo. Confira:

  1. Viver pisando em ovos.

Para evitar perturbar o seu parceiro, você está sempre atento para não fazer nada que possa desencadear uma reação emocional negativa. Viver em um relacionamento abusivo significa que nunca saber quando algo que você faz, não importa o quão trivial seja, pode desencadear uma reação emocional.

  1. Seu parceiro pode expressar emoções (e opiniões), mas você não.

Relacionamentos emocionalmente abusivos são desequilibrados. Neles, seu parceiro tem o direito de expressar o que sente, mas se você expressar suas emoções negativas ou moderadas estará sujeito a críticas ou ainda pior: terá que aguentar uma forte reação emocional da pessoa.

  1. Seu parceiro desconfia de você (e das suas emoções).

Muitas vezes, as pessoas emocionalmente abusivas têm baixa autoestima, o que leva a uma falta de confiança no parceiro, bem como a crença de que sua expressão de desprazer é projetada para prejudicar. Qualquer expressão de emoção da sua parte pode se tornar uma desculpa para te  atacar.

  1. Não pode falar sobre dificuldades e problemas de relacionamento.

Qualquer crítica é considerada um ataque à pessoa emocionalmente abusiva. Você passa então a evitar falar sobre problemas para manter um ambiente emocional calmo.

  1. Você se sente constantemente confuso e preso.

Ser vítima de um relacionamento emocionalmente abusivo pode deixá-lo constantemente confuso emocionalmente e se sentindo preso. O parceiro emocionalmente abusivo pode usar apelos emocionais para mantê-lo no relacionamento, como por exemplo: "Eu preciso de você para me ajudar!" ou "Você não pode me deixar em paz!".

Ele se faz de vítima e você se sente impotente para tomar uma atitude sobre a situação.

Importante: ninguém deve ter que suportar abuso psicológico ou físico. O relacionamento abusivo é um ciclo que só termina quando a pessoa sai dele e procura ajuda profissional.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo