Lavar a vagina pode ser a pior coisa que você pode fazer pela sua saúde

Pesquisa indica que ducha vaginal, se em excesso, aumenta a chance da mulher desenvolver câncer de ovário

Por Metro Jornal

Toda mulher que preza pela saúde sabe a importância de manter a região vaginal limpa, mas o que poucas imaginam é que é preciso cuidado ao lavar essa região. O motivo? O câncer de ovário.

Segundo especialistas, apesar da realização de duchas vaginais ser uma prática comum por 25% das mulheres, a mesma aumenta as chances não só de infecções, mas também do câncer de ovário.

Segundo um estudo realizado pelo "The Journal of Epidemiology", que consultou 41 mil mulheres com histórico de tumores e com idade entre 35 e 74 anos, aquelas que eram adeptas das chamadas duchas vaginais desenvolveram, após um ano, o dobro de chances de desenvolver a doença.

Não é à toa que tantos médicos desaprovem a prática. Segundo especialistas, a ducha perturba e desequilibra a flora vaginal causando doenças bacterianas de difícil solução.

Por isso, cuidado nos banhos! Lavar apenas superficialmente a área da vagina com sabonete neutro e água morna ainda é a melhor opção.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo