Facebook vai deixar que internautas limpem histórico de navegação

Por Metro Jornal

Após escândalo de vazamento de dados sem o consentimento de seus usuários, o Facebook está promovendo uma série de mudanças. Em breve, os internautas poderão apagar o histórico de navegação na rede social. A novidade foi anunciada pelo CEO Mark Zuckerberg durante a F8, evento da empresa que acontece anualmente nos EUA.

Apagar o histórico vai possibilitar um controle maior sobre a privacidade e deve funcionar de maneira semelhante à limpeza que os navegadores oferecem. Contudo, para Zuckerberg, optar por deletar os dados pode trazer algumas consequências desagradáveis.

"Quando você limpa os cookies do seu navegador, isso pode piorar sua experiência. Pode precisar entrar novamente em todos os sites e reconfigurar as informações. O mesmo acontecerá com o Facebook, que não será tão bom enquanto reaprende suas experiências", afirmou.

Uma lei de proteção de dados pessoais entrará em vigor este mês na Europa, o que forçou a companhia a repensar sua política de coleta de dados dos usuários. Agora, o Facebook começou a dar mais alguns detalhes sobre quais dados reúne, como os armazena e processa – algo que não era disponibilizado até então.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo