Consumo moderado de álcool também encurta a vida, afirma estudo

Por Wellington Botelho

Um estudo publicado na revista cientifica The Lancet constatou que o consumo de álcool aumenta o risco de sofrer doenças cardiovasculares.

A equipe de pesquisadores, da Universidade de Cambridge, analisou 83 estudos de 19 países envolvendo quase 600 mil pessoas. As pesquisas focaram na quantidade de álcool consumida pelos participantes durante um ano.

Na análise dos dados, os autores levaram em consideração idade, sexo, consumo de tabaco, diabetes e outros fatores relacionados às doenças cardiovasculares.

Os resultados mostraram que a partir de 100 ml de álcool, por semana, a expectativa de vida é encurtada. Além disso, o consumo de álcool aumenta o risco de doença cardiovascular, sem, neste caso, diferenciar os valores máximos.

Ainda de acordo com a pesquisa, o alto consumo de álcool está relacionado a um aumento do risco de ataques cardíacos, insuficiência cardíaca, hipertensão e um aneurisma da aorta terminal.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo