40% dos bares e restaurantes deverão fechar durante pandemia em São Paulo, diz Abrasel

Por Metro Jornal com Rádio Bandeirantes

Mais de 80% dos bares e restaurantes paulistanos suspenderam contatos de trabalho de seus funcionários durante a pandemia do novo coronavírus. Outros 57% foram mais radicais, optando por demitir seus empregados.

LEIA MAIS:
Brasil supera 1 milhão de infectados pela covid-19

Os dados são da Abrasel São Paulo, associação de bares e restaurantes que divulgou pesquisa sobre o período nesta sexta-feira (19).

Ainda, 40% terão de encerrar completamente suas operações. 11,9% dos associados à Abrasel conseguiram financiamentos anunciados pelo governo, enquanto outros 67% obtiveram sucesso na negociação do aluguel do estabelecimento.

Quanto às operações, 73,5% estão trabalhando com delivery, entregando a domicílio ou utilizando aplicativos de mediação entre o restaurante e o cliente. Destes, 80% relatam insatisfação com o atendimento dos apps, sendo que o iFood é campeão nas reclamações.

O levantamento ouviu 105 empresários, que possuem em média três estabelecimentos cada. A abrangência, portanto, é de cerca de 300 locais na capital paulista.

Loading...
Revisa el siguiente artículo