Alemão é principal suspeito já investigado em caso Madeleine McCann e pode ter uma segunda vítima

Por Victória Bravo

Esta semana um novo suspeito no caso de desaparecimento de Madeleine McCann foi divulgado. Trata-se de um estuprador condenado alemão de 43 anos e agressor sexual infantil identificado por fontes portuguesas como Christian Brückner.

O suspeito principal também está envolvido em um caso semelhante de uma criança de cinco anos que desapareceu na Alemanha em 2015. A menina se chamava Inga e desapareceu misteriosamente de uma clínica em Stendal, na Alemanha.

De acordo com os relatórios policiais analisados pelo The Guardian, Brückner fantasiou sobre sequestrar e abusar sexualmente de menores em um bate-papo online em 2013, dizendo que queria "pegar algo pequeno e usá-lo por dias".

Quando questionado por outra pessoa que este seria um empreendimento perigoso, Brückner pareceu sugerir que ele tinha experiência anterior ao respeito: "Oh, bem, se as evidências forem destruídas posteriormente".

As evidências circunstanciais convenceram os detetives este é o suspeito mais forte desde que a garota britânica desapareceu em 2007, aos três anos de idade.

Madeleine McCann Reprodução / ANDREW WINNING REUTERS

O homem possui uma série de condenações passadas, inclusive por crimes sexuais e abuso de crianças.

Em 1994, quando adolescente, Brückner foi condenado por abuso sexual de uma criança, tentativa de abuso sexual de uma criança e prática de atos sexuais na frente de uma criança.

Ele fugiu para Portugal com uma namorada e morou na Praia da Luz, onde era conhecido por ter cometido arrombamentos em hotéis e casas de férias.

Na Alemanha, ele foi preso no ano passado pelo estupro de uma americana de 72 anos na Praia da Luz em 2005, dois anos antes de Madeleine desaparecer de um hotel na mesma área.

As autoridades alemãs disseram na quinta-feira que acreditam que Madeleine está morta, já a polícia britânica continua tratando o caso como uma investigação de pessoas desaparecidas.

Loading...
Revisa el siguiente artículo