Em quarentena, aquário dos EUA deixa pinguins livres para explorar

Por Metro Jornal

Após fechar suas portas pelas próximas duas semanas, o Shedd Aquarium em Chicago, nos Estados Unidos, decidiu transformar seus animais de exibição em visitantes. Durante o período de quarentena, os pequenos pinguins do aquário poderão explorar livremente todos os espaços do local – e até visitar outros animais!

O aquário decidiu, no último dia 13, impedir a entrada de visitantes para evitar maior disseminação do coronavírus, causador da Covid-19, que já atingiu mais de cinco mil habitantes nos Estados Unidos.

LEIA MAIS:
4 filmes e musicais para aproveitar o sinal aberto da Disney Channel

No entanto, os funcionários do Shedd Aquarium continuam a trabalhar para garantir o bem-estar de seus animais. E, enquanto não há pessoas de fora para garantir seu entretenimento, o estabelecimento programou atividades especiais para não deixar que os bichinhos fiquem entediados.

Os pinguins, cada um com seu próprio nome, aparecem em vídeos caminhando curiosos pelos espaços, e ficando espantados com a presença de outros animais. Na gravação a seguir, o piguim macho Wellington descobre a existência de peixes da espécie Pacu, típicos da Amazônia.

Já o casal Edward e Annie foi ainda mais longe, explorando um gigantesco aquário em formato de rotunda, um anexo escuro com peixes asiáticos, e até o setor de informações do Shedd Aquarium. Confira:

"Enquanto estes podem ser dias esquisitos para nós, eles parecem normais para os animais do Shedd", diz o tuíte da conta oficial do aquário. E, para quem precisa ficar em casa pelas próximas semanas, nada melhor do que se entreter com vídeos fofos de animais!

Loading...
Revisa el siguiente artículo