Após 9 horas de trabalho, operação de ONG salva cachorrinha coberta por piche

Por Angela Correa

A ONG argentina Proyecto 4 Patas relatou nas redes sociais o resgate dramático de um cãozinho completamente coberto por piche em Merlo, cidade da Grande Buenos Aires.

Aloe, como a cachorrinha foi batizada pelo grupo que a salvou, foi encontrada em um poço de piche, graças aos latidos de outros cachorros, que não pararam de fazer barulho até que algumas crianças da região se aproximaram e perceberam o que acontecia.

Não se sabe se ela caiu ou foi jogada no piche, que é usado para asfaltamento.

Os pais das crianças chamaram os Bombeiros Voluntários, que retiraram o animal e pediram ajudam pelo Facebook.

Foi aí que a ONG entrou em cena. "Encontramos uma cena desesperadora: Aloe estava literalmente petrificada e colada ao chão. Cem por cento de seu corpo estava endurecido: boca, olhos, orelhas, tudo", diz o relato.

resgate de cachorrinha coberta por piche Limpeza começou na rua mesmo, com a ajuda do óleo de cozinha trazido por vizinhos / Reprodução/Facebook

Com a ajuda de vizinhos, os primeiros voluntários começaram a operação, aplicando óleo de cozinha sobre o piche, de maneira a amolecê-lo.

A cachorrinha foi levada para um lugar seguro e a limpeza seguiu pela noite inteira, com revezamento de voluntários e muitos litros de óleo.

resgate de cachorrinha coberta por piche Reprodução/Facebook
resgate de cachorrinha coberta por piche Oito voluntários se revezaram por uma noite inteira / Reprodução/Facebook

"E aqui está Aloe, hoje é o segundo aniversário porque não há dúvidas de que renasceu".

Os números do resgate:

  • 9 horas ininterruptas de trabalho
  • 50 litros de óleo para retirar o piche dos pelos de Aloe
  • 3 banhos com detergente
  • 8 voluntários

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo