Garoto tem pescoço atravessado por peixe-agulha na Indonésia – e sobrevive

Por Metro Jornal

Um adolescente de 16 anos foi atingido no pescoço por um peixe-agulha, que saltou para fora do mar na Indonésia.

Atenção! Texto contém imagens sensíveis

Muhammad Idul estava em um barco, numa pacífica pesca noturna, quando sentiu uma forte pressão na lateral de seu pescoço.

"Sardi [colega que acompanhava Muhammad na pesca] saiu com seu barco primeiro, e eu o segui depois com outro barco", descreveu. "A uns 500 metros de distância da costa, Sardi ligou sua lanterna. Um peixe-agulha de repente pulou da água e perfurou meu pescoço".

O garoto descreveu à BBC Indonésia que a força do peixe atravessando sua pele derrubou-o do barco, jogando-lhe no mar. O animal continuava vivo, preso pela mandíbula ao pescoço de Muhammad, e movendo-se desesperadamente para sair.

O jovem então agarrou o restante do corpo do peixe e, com ajuda do amigo, conseguiu nadar de volta para terra firme. Sardi impediu Muhammad de remover o animal de seu pescoço, temendo que o sangramento pioraria.

Garoto indonésio é perfurado no pescoço por peixe-agulha Reprodução/Facebook

Ainda com o peixe de 75 centímetros atravessado em sua pele, Muhammad e Sardi foram levados a um hospital próximo na cidade de Bau-bau. Lá, cirurgiões separaram o corpo da cabeça do animal, amenizando o peso carregado por Muhammad, mas não conseguiram remover a mandíbula do pescoço do garoto.

A vítima então teve de ser transferida para um hospital maior, na cidade de Makassar. Médicos do Wahidin Sudirohusodo Hospital ficaram surpresos ao ver a situação de Muhammad.

Foram necessários cinco cirurgiões especializados e um procedimento de uma hora para remover a cabeça do peixe da carne do garoto. O diretor do estabelecimento, Khalid Saleh, disse que havia sido o primeiro caso de perfuração no pescoço por um peixe-agulha.

Muhammad continua internado, em seu quinto dia no hospital. Seu pescoço está coberto por um curativo, mas ele relata não sentir mais dor.

Garoto indonésio é perfurado no pescoço por peixe-agulha

O jovem conta, ainda, que o incidente não vai impedí-lo de continuar pescando. "Só preciso ter mais cuidado da próxima vez", contou à BBC. "Peixes-agulha não toleram a luz, por isso ele saltou da água e me atravessou".

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo