'Peixes-pênis' inundam praia da Califórnia; biólogos explicam

Por Metro Jornal

O californiano David Ford avistou uma cena bastante incomum ao visitar uma praia após uma tempestade. No dia 6 de dezembro, na areia da Drake's Beach, na reserva marinha Point Reyes, ele capturou uma imagem de milhares de peixes mortos e enviou ao website naturalista Bay Nature, perguntando o que havia causado tal fenômeno.

Vermes em praia da Califórnia David Ford

O formato dos animais foi o que mais chamou atenção: medindo cerca de 25 centímetros, a coloração rosa-claro e o aspecto similar a uma salsicha deixa pouco à imaginação. Os pobres bichinhos pareciam muito mais uma multidão de órgãos sexuais masculinos caídos na areia.

LEIA MAIS:
VÍDEO: tubarão bebê nasce ao vivo em programa da Band
Filhote de tatu é resgatado em MG e vira melhor amigo de pitbull

O biólogo Ivan Parr respondeu à dúvida de David, esclarecendo que tratam-se de vermes marinhos, não peixes. Chamados de "vermes gordos" ou "peixes pênis", a espécie (Urechis caupo) é endêmica ao estado norte-americano da Califórnia, e costuma passar toda sua vida embaixo do solo marinho.

O animal sobrevive cavando um túnel pouco maior que seu próprio comprimento na areia, e contraindo seu corpo para atrair água. Através da pulsação de seu corpo, ele cria um vácuo que suga partículas de comida, como plânctons, bactérias e outros pequenos seres.

Ele próprio serve de alimento a outros animais, como tubarões, arraias, lontras e até o ser humano. Em países asiáticos, o "peixe pênis" é um prato relativamente comum. No vídeo a seguir, uma vendedora prepara alguns destes vermes em um mercado de frutos do mar em Dalian, China.

Então, como todos estes vermes foram arrancados de seu habitat subterrâneo e expostos na superfície? Uma forte tempestade ocorrida no início de dezembro pode ser a culpada.

As águas em queda são capazes de transformar a superfície da praia, construída a partir da deposição de sedimentos com baixo grau de agregação. Assim, pancadas intensas de chuva podem revelar materiais que, anteriormente, estavam enterrados no subsolo – incluindo vermes marinhos.

Incidentes parecidos já foram registrados por ambientalistas na internet, e, segundo o biólogo Ivan Parr, não se sabe ainda o impacto destas tempestades na sobrevivência da espécie.

Verme marinho Kate Montana/iNaturalist
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo