Esta gatinha nasceu com duas caras, foi abandonada pela mãe e, com a ajuda de uma pessoa, ela tem grandes chances de sobreviver

Por Rodrigo Almeida

A gatinha Duo nasceu com uma deformação genética raríssima e que poderia mata-la a qualquer momento.

Com quatro meses de vida ela parece estar contrariando as possibilidades, e uma cirurgia em um dos olhos pode ser o essencial para mantê-la viva por muito tempo.

duo Reprodução/ Facebook

A pequenina nasce com algo conhecido como disprosopus ou duplicação craneofacial, em outras palavras: ela tem duas caras. No caso de Duo, são duas bocas, três olhos e dois narizes.

duo Reprodução/ Facebook

De acordo com o sítio estrangeiro Infobae, os animais que nascem com a condição morrem em poucos dias, mas Duo está seguindo os passos de Frank and Louie, um gatinho australiano que viveu mais de 12 anos.

A história de Duo pode ser de sucesso pelo envolvimento de Ralph Tran, um médico que descobriu o caso a menina por um amigo. A gata do rapaz deu à luz e abandonou um dos gatinhos com a condição rara.

duo Reprodução/ Facebook

Depois de investigar sobre o animalzinho, Ralph decidiu adota-lo batiza-lo de Duo. Agora, a menina está à espera de uma cirurgia para corrigir um mal-estar em um dos olhos. Apesar do risco, ela deve viver por muitos anos.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo