Jovem norueguesa é ameaçada por comer seu próprio cavalo após sacrifício

A norueguesa conta que precisou sacrificar o animal, e que cozinhou sua carne para "honrá-lo"

Por Metro Jornal

Pia Olden, uma estudante de gastronomia de 18 anos, está sendo vítima de ameaças e ataques nas redes sociais. Tudo começou quando ela revelou ter cozinhado e comido uma refeição utilizando a carne de seu cavalo, Drifting Speed.

Em sua página do Facebook, na sexta-feira (4), ela publicou uma foto do prato composto de carne assada, pedaços de manga e pimenta. A postagem dizia, na legenda: "Se é para comer carne de cavalo, será do meu próprio".

Pia Olden Reprodução/Facebook

A norueguesa é praticante de hipismo e filha de produtores rurais. Em entrevista ao Daily Mail, ela conta que seu cavalo Drifting Speed foi sacrificado em 2018, por problemas de saúde. A família conservou sua carne em um congelador até então.

Após a reação negativa ao post, Pia removeu-o de sua rede social. Entretanto, ao site norueguês Dagbladet, ela se defendeu, alegando que cozinhar a carne de seu cavalo era uma maneira de honrá-lo: "não seria melhor se a carne fosse enterrada e comida por vermes".

Olden ainda aprovou o gosto de seu prato. "É um pouco estranho comer meu próprio cavalo, mas meu coração de chef disse que eu precisava fazê-lo", explicou. "Está entre as melhores carnes que já comemos".

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo