Homem bêbado tenta acariciar urso que era mantido como 'cão de guarda' e tem braço arrancado

Por Victória Bravo

Em Omsk, na Rússia, um urso marrom que era mantido como um “cão de guarda” em uma fazenda arrancou o braço de um homem que tentou acariciá-lo.

De acordo com o Metro Reino Unido, o homem identificado apenas como Igor, 46, trabalhava no local e foi alertado sobre os perigos de chegar perto do animal, mas tomou a decisão de colocar seu braço dentro da jaula após o consumo de álcool.

ft Reprodução / NGS55 via Metro Reino Unido

Um dos trabalhadores socorreu Igor após ouvi-lo gritando: "Eu perdi meus óculos, o urso derrubou meus óculos". A testemunha que ajudou a sair de perto do animal revelou que avisou que “não importava seus óculos, pois ele havia perdido o braço", mas aa vítima pediu para ele não se preocupar: “Eles vão costurar de volta”, disse para o choque do colega.

A polícia comunicou: “Anteriormente, ele não havia abordado o urso. Desta vez, no estado de intoxicação alcoólica, decidiu se aproximar, então o urso rasgou e mordeu o braço”.

O dono da ursa Masha proibiu sua equipe de chegar perto dela e a criou desde que era um filhote. Após o ataque, o animal deve ser sacrificado pela polícia.

A vítima segue hospitalizada e não pôde ter o braço recolocado, pois o membro estava muito danificado.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo