Cuidado: bactéria que come carne humana ataca de novo

Por Metro Jornal

Somente na Flórida, Estados Unidos, no ano passado, foram registrados 42 casos e 9 mortes no Estado em decorrência de uma bactéria que vive em água salgada e entra no corpo pelo sangue (ferimentos, arranhões) e que se alimenta de tecidos humanos.

 

E a bactéria, que causa a fasceíte necrotizante, uma infecção rara, atacou de novo, dessa vez duas pessoas da Flórida.

barry briggs Foto: Reprodução / Faebook

Barry Briggs teve o pé infectado quando pescava em Tampa Bay. Na mesma noite, seu pé ficou muito vermelho e começou a latejar. Rapidamente foi ao hospital, mas seu pé já estava ficando preto e a infecção começou a subir por sua perna, cerca de 3 centímetros por hora, segundo disse à rede americana CNN.

Para salvá-lo, os médicos tiveram que remover todo o tecido morto e fazer enxerto com pele da coxa do paciente, enquanto administravam quantidades maciças de antibióticos.

 

A outra vítima foi Mike Walton, que cortou a mão com um anzol enquanto pescava no Golfo do México. Ele foi internado com uma bolha negra na mão que começou a avançar sobre o braço, correndo o risco de ter que amputar o membro. Ele passou por uma cirurgia e está em tratamento com antibióticos.

 

 Mesmo com tratamento, a fasceíte necrosante mata 1 em cada 3 pessoas que contraem a doença.

Com informações da CNN.

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo