Mulher morre com palito de dente entalado na garganta

Por Metro Jornal

Uma mulher de 50 anos foi encontrada morta no banheiro, com a roupa cheia de sangue e um ferimento na cabeça, em Portugal.

A polícia foi acionada e inicialmente o principal suspeito foi seu companheiro, que chegou a ser acusado pelo crime.

Mas os médicos que fizeram a autópsia estranharam um sinal roxo no pescoço, uma marca que fugia dos padrões de agressão. Ao abrir a região para investigar descobriram que havia um palito de dente de 3,5 cm entalado na garganta da mulher e que o objeto havia perfurado a garganta em vários lugares.

O assassino não foi o marido nem o mordomo. Foi o palito.

Segundo os médicos, as feridas na garganta causaram uma grande inflamação que interferiu em nervos vitais para o controle do cérebro, coração e pulmões. Isso ocasionou a queda e o ferimento na cabeça da mulher.

Dias antes, ela tinha inclusive ido ao médico e se queixado de forte gripe, com dores no corpo e na cabeça.

Com informações do Daily Mail.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo