Defesa de assassino alega que ele pensou estar matando lobisomem

Por Metro Jornal

Pankaj Bhasin é acusado de matar um homem a facadas em julho do ano passado, na cidade de Alexandria, nos Estados Unidos.

Preso, Bhasin aguardava início do julgamento e somente agora os advogados de defesa explicaram por que ele matou Brad Jackson, de 65 anos, com 53 facadas: pensou que se tratava de um "lobisomem".

Na época, Pankaj foi encontrado sem calça e sujo de sangue dentro de um Mercedes Benz e o corpo do idoso foi achado ali perto, em uma loja.

Mas a estratégia da defesa de alegar problemas mentais não agradou nada o juiz: "Soa como uma estratégia desesperada da defesa", disse o magistrado Bennett Moore.

Com informações da NBC Washington

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo