Menina autista leva gato de pelúcia doente para veterinário e ele receita 'amor e carinho'

Por Metro Jornal

Jazmine, uma menina de 6 anos de Washington, nos Estados Unidos, estava muito preocupada com seu amigo, o gato de pelúcia Donnie. Ela é portadora de autismo e o estado e saúde de Donnie estava deixando a menina muito ansiosa.

Sua mãe, Suzie Efigênio, não sabia mais o que fazer e resolveu ligar para uma clínica veterinária para pedir ajuda e acabar com o sofrimento da filha.

Segundo o post da clínica, um veterinário simpático, Dr. Maier, atendeu o pedido da mãe e recebeu Donnie e Jazmine em seu consultório.

Receptionist Heather getting Jazmine and "Donnie" checked in.

Posted by Pioneer Veterinary Clinic on Friday, February 8, 2019

Após uma bateria de exames, o médico entregou o resultado da avaliação para a pequena Jazmine. Na receita, lia-se:

Nome: Donnie
Raça: gato doméstico
Reclamação: machucado na pata direita da frente

Checking to see how much "Donnie" weighs.

Posted by Pioneer Veterinary Clinic on Friday, February 8, 2019

Exame Físico: coração e pulmões normais, pequena laceração na pata da frente direita
Tratamento: bandagem no pé da frente direito, continue por alguns dias
Cuidados para casa: dar amor extra e carinhos até que ele esteja melhor

Dr Maier doing his physical exam.

Posted by Pioneer Veterinary Clinic on Friday, February 8, 2019

Jazmine saiu feliz do consultório com Donnie no colo, que trazia um curativo na pata da frente, e com sua mãe, agradecida pela ajuda do Dr. Maier.

A clínica postou em sua rede social a história e centenas de pessoas comentaram a atitude do veterinário. "Fé na humanidade restaurada", disse um seguidor.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo