Ameba comedora de cérebro mata surfista norte-americano

Por Metro Jornal

Apenas 3 dias após praticar surf em uma piscina de ondas no Texas, Fabrízio Stabile começou a sentir dores de cabeça terríveis, dificuldade de falar e perda de movimento nas pernas.

Ele foi levado rapidamente ao hospital e os médicos diagnosticaram que ele tinha um tipo de meningite, mas o tratamento não fez efeito e ele piorou rapidamente.

Um dia antes de sua morte, um exame revelou a causa: um parasita conhecido como Naegleria Fowleri havia entrado em seu corpo pelo nariz e chegado ao cérebro, onde se reproduziu rapidamente e passou a comer partes do tecido cerebral.

A Naegleria Fowleri, também conhecida como "Ameba Comedora de Cérebro" é muito rara e letal e vive em locais de água doce e morna. Nos Estados Unidos, foram diagnosticados 143 casos em 53 anos. Apenas 4 sobreviveram.

Com informações do Business Insider Uk.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo