Ela trabalhou em um supermercado e por anos comeu presunto escondido, agora é acusada de roubo

Por Wellington Botelho

Uma funcionária de um supermercado foi acusada de um “grande roubo” depois de comer durante anos fatias de presunto enquanto trabalhava na rotisería.

A mulher teria consumido pelo menos 5 fatias de presunto por dia durante 8 anos, divulgou o jornal britânico Daily Mail.

Um dos gerentes do local recebeu um aviso de que a funcionária se alimentava constantemente e abriu a investigação.

Durante período de consumo irregular, estima-se que o prejuízo para a empresa seja de 9 mil dólares, mais de R$ 37 mil reais.

As autoridades também informaram que a colaboradora comeu "preferencialmente" presunto, mas também consumiu salame.

A polícia, que não entregou a identidade da acusada, disse que ainda não há prisões e que o caso segue na justiça.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo