A incrível recuperação de Kaylee Muthart, a jovem que arrancou os próprios olhos sob efeito de drogas

Por Victória Bravo

“Limpa. Como uma pessoa!”. Assim se descreve Kaylee Muthart, de 20 anos, que foi notícia em jornais do mundo todo após protagonizar uma cena triste em Anderson, Carolina do Sul.

Na manhã de 6 de fevereiro em frente a uma igreja, Kaylee teve um ataque psicótico depois de ter consumido uma quantidade indeterminada de metanfetamina. As alucinações fizeram com que a jovem arrancasse os dois olhos com as próprias mãos.

A tragédia ocorreu poucos dias antes de Kaylee entrar em uma clínica de reabilitação e mudou completamente a vida da jovem.

A recuperação

Depois de sair do hospital, Kaylee voltou para a casa da sua mãe. A decisão foi tomada não apenas para a recuperação de seu vício, mas porque ela ainda não podia fazer muitas coisas sozinha devido a cegueira.

Ela iniciou um treinamento intensivo em mobilidade e orientação para poder se locomover primeiro dentro de sua casa e depois nas vias públicas. A força de Kaylee foi incrível: ela suportou a tristeza de saber que nunca seria capaz de ver novamente e não teve recaídas com as drogas.

“Eu me sinto como uma pessoa. Me sinto eu mesma”, contou Kaylee  em entrevista à People. A jovem lembrou que essa foi a única forma que realmente “funcionou” para que ela conseguisse mudar de vida e que “preferia isso do que estar presa nesse mundo” de vícios.

Kaylee e sua família se esforçam todos os dias para prosperar. Ela agora está aprendendo a tocar violão e já consegue assistir filmes através dos áudios descritivos que possuem algumas das séries e filmes.

Ainda assim, a jovem confessa que gosta de dormir bastante porque seus sonhos são coloridos: “É como voltar a enxergar, podem ser estranhos e mudar de cenário rápido, mas me conforta porque são coloridos (…) é minha maneira de ver”, desabafou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo