C4 Picasso é um carro ideal para a família

Por Carolina Santos
C4 | Divulgação C4 | Divulgação

Nem bem foi anunciada a chegada do C4 Lounge por aqui e já há boatos também da vinda do MPV compacto C4 Picasso. Para saber o que o carro oferece, pegamos carona com o Metro Internacional que testou o veículo e afirma que ele atrai olhares e causa desejo.

Os motivos: ele é inteligente, arejado, confortável e bem prático, além do que, seus detalhes serão úteis para a família comum europeia, como o espelho adicional que ajuda a manter os olhos nas crianças no banco traseiro. Apesar de ser menor e mais pesado que o anterior, tem um interior mais confortável.

O Metro dirigiu o C4 e-HDi 115 Airdream, na velocidade Exclusive e achou o modelo alegre, prático e de dirigibilidade satisfatória. Seu visual é diferente graças ao estilo de alta tecnologia que inclui luzes de LED, carroceria bem trabalhada e lâmpadas de LED traseiras. Ele foi criado para alavancar a marca.

Já o interior conta com uma cabine “Loft Style”  confortável, aconchegante e organizada. O motorista pode escolher o display de sua preferência na grande e panorâmica tela em HD no centro do painel. Também é possível adicionar fotos pessoais como papel de parede. Todos os três assentos traseiros escorregam individualmente, além de ter muito espaço para as pernas.

O que significa que este Citroën é ótimo para famílias por causa da sua direção muito confortável. Ele não é veloz, mas é mais fácil de controlar e silencioso o suficiente, mesmo com motor a diesel. O que significa que as crianças poderão tirar uma soneca nos bancos de trás sem problema.

Sua melhor característica são os mais de 5.3 m2 de vidro, que garantem o máximo de luz possível. A janela panorâmica acompanha todo a superfície do carro, o que significa que o teto solar abre completamente garantindo total visão da paisagem. É a mesma sensação de dirigir dentro de um aquário.

Por outro lado, para manter o interior livre de aparelhos, o controle de funções foi colocado dentro do display do painel. Mas, com isso, o consumidor pode levar um certo tempo para achar a função que  procura, o que é um pouco frustrante.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo