"Sofri por ser gordinha", diz Rafaela Martins

Rafaela Martins diz ter sofrido bullyng na infância | Carol Gherardi/Band Rafaela Martins diz ter sofrido bullyng na infância | Carol Gherardi/Band

Linda, alta e confiante. É essa a imagem que se vê diante de Rafaela Martins, representante de Américo Brasiliense na final do Miss São Paulo 2013. Mas, nem sempre foi assim…

Segundo a moça, ela sofreu muito na infância e adolescência por conta de sua aparência. “Lembro que quando cursava a quarta série eu usava óculos e era bem gordinha, então, os outros alunos me chamavam de ‘quatro olho"”, conta.

“A partir dos 13 anos comecei a esticar muito e emagrecer, ai vieram os apelidos de girafa, gigante, bebezão, porque eu chamava meus pais para me defenderem. Sofria muito, não tinha amigos. Só vivia na biblioteca lendo. Aliás foi a única coisa boa que tirei disso tudo: o hábito de ler. O pior dia mesmo foi quando grudaram chiclete no meu cabelo. Chorei muito, nunca esqueci”.

Mesmo com o apoio dos pais, Rafaela se achava inferior em relação às outras pessoas e isso não mudou nem mesmo quando ela ganhou em quarto lugar o concurso Tic Tac, com cerca de 1 milhão de meninas inscritas. “Só passei a acreditar em mim de 1 ano para cá, depois que a dona de uma agência me viu e me elogiou tanto que comecei a perceber que ninguém é melhor que ninguém. Cada um tem suas qualidades, sua beleza”.

Escolha sua candidata preferida! A mais votada aqui no Portal da Band será a 15ª semifinalista da grande final do Miss São Paulo 2013 que acontece no próximo sábado, dia 17, no Palácio das Convenções do Anhembi.

Loading...
Revisa el siguiente artículo