Volkswagen Fox sai na frente com um propulsor de três cilindros

Por Carolina Santos

Estratégia. Baseado no conceito downsizing, que visa reduzir os custos, novo utilitário chega com preço acessível e com a promessa de economia de combustível.

Montadora que mais vendeu veículos na história do Brasil – englobando o Gol, o Fusca, a Kombi, entre outros – a Volkswagen segue tramando planos estratégicos para conquistar, cada vez mais, novos clientes por todo o país. Agora, a inovação é a versão do Fox chamada de BlueMotion, que apresenta um motor 1.0 de três cilindros. A mudança estratégica visa deixar o utilitário mais econômico, e antecipa o que deve ser tendência mundial entre os compactos.

Por ora, o Fox BlueMotion está disponível em duas versões: o de duas portas, que tem preço a partir de R$ 32.590, e o de quatro portas, a custo inicial de R$ 34.090.

Ambas vêm acompanhadas do mesmo projeto mecânico – a principal diferença está mesmo nas portas –, com motor flex EA 211 1.0, que gera 82 cv de potência quando abastecido com etanol, e 75 cv na gasolina. Além disso, o motor é dotado de três cilindros, tem quatro válvulas em cada cilindro e ainda utiliza comando variável para admissão. Ou seja, com essas características, a nova versão do Fox se torna o 1.0 mais potente do mercado nacional.

Com isso, o BlueMotion passa a ser equipado com conceito downsizing, que nada mais é que uma técnica usada por empresas no mundo todo para reduzir custos. Aplicando isso ao novo Fox de três cilindros, a Volks oferece aos consumidores um motor menor, mas com a mesma tecnologia do anterior e, principalmente, com o mesmo rendimento, possibilitando uma economia mensal interessante no abastecimento.

Outra substituição está na direção hidráulica em troca de um sistema eletro-hidráulico, algo que reduz em 3% o gasto de energia.

Além disso, a nova aposta da Volkswagen é dotada do sistema E-Flex, fabricado pela Bosch, que dispensa o reservatório de gasolina para partida a frio (localizado no capô do veículo), e conta com pneus “verdes” da Goodyear GPS DuraPlus 175/70 R14, que são de baixa resistência no rolamento e têm maior pressão de enchimento.

De resto, o novo 1.0 de três cilindros mantém as características das outras versões do Fox, com arquitetura eletrônica moderna e itens de segurança, além dos airbags frontais e freios com sistema antitravamento. O modelo conta ainda com itens de série, um sistema de alerta de frenagem de emergência – toda vez que o sistema ABS entra em ação, a luz de freio pisca –, computador de bordo, velocímetro analógico, indicador de velocidade digital e uma barra gráfica que registra o consumo instantâneo do combustível.

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo