Ho’oponopono: como perdoar alguém de verdade

Segundo episódio da websérie 'Respira' mostra como é possível perdoar mágoa, traição ou qualquer mal-estar ao praticar os pilares da técnica havaiana de autocura

Por Regina Restelli

Se o perdão alivia tanto, por que perdoar é tão difícil? No segundo episódio da websérie Respira, vamos descobrir como é possível perdoar verdadeiramente alguém através do Ho’oponopono. A técnica havaiana milenar consiste em repetir quatro frases: sinto muito, me perdoe, eu te amo e agradeço.

Parece e é simples. De tão simples, entretanto, por vezes nós complicamos. Só quando entendemos – e praticamos – o pilar de cada uma dessas sabedorias é que conseguimos reconhecer nossa responsabilidade, pedir perdão e ainda agradecer pela oportunidade, tantas vezes difícil, de nos tornarmos pessoas melhores.

Episódio novo toda quarta-feira

Toda quarta-feira, no canal do Personare no Youtube, será lançado um episódio novo que vai abordar questões emocionais e espirituais do público.

Neste segundo episódio, respondemos a questão de Valquiria C., sobre a dificuldade do perdão. “Estou praticando o Ho’oponopono para superar uma traição, mas não consigo perdoar meu ex de verdade. Como perdoá-lo e me livrar da raiva e da mágoa?”. Assista ao episódio completo sobre Ho’oponopono no vídeo abaixo:

Perdoar não é fácil. A primeira coisa que temos que fazer é nos perdoar de estar acusando o outro e buscar entender por que estamos atraindo as situações que nos causam dor. O que em você está atraindo isso? Qual o percentual? Pode ser pouco, é verdade, mas pode ser muito. É ruim ver, mas é bom ter coragem para olhar. Só assim conseguimos nos libertar.

O outro pode ter feito algo muito ruim, mas a sua raiva e o seu incômodo são de sua responsabilidade. A partir do momento que você identifica e aceita a sua parcela, você pode retornar ao Ho’oponopono com mais profundidade.

Sinto muito

É você reconhecer a sua autorresponsabilidade sobre aquela questão.

“Sinto muito por estar atraindo isso para a minha vida e estar te acusando disso. Você é só um elemento do que eu mesma estou provocando”.

Me perdoe

É de sua responsabilidade e não de responsabilidade do outro.

“Me perdoe pela minha responsabilidade em relação a isso”.

Eu te amo

Porque você reconhece no outro o um que somos todos nós.

“Eu te amo porque eu te reconheço como melhor. Pode até ser que não esteja vendo isso nesse momento, mas cada um de nós tem um ponto de amor que está em você e em tudo no universo”.

Agradeço

Por ter a oportunidade de me melhorar.

“Agradeço pela oportunidade que você está me dando, através desse momento desagradável da minha vida, que está gerando uma coisa melhor para mim, para que eu possa ser melhor como pessoa”.

A verdade no Ho’oponopono

É muito importante que você sinta essa verdade enquanto repete essas frases. No seu cérebro, tudo o que você imagina e acredita torna-se verdade. Então, acredite e vai – e não deixe de respirar para encontrar as suas respostas.

Como você está se sentindo? Tem alguma questão que não te agrada ou alguma situação que você não consegue resolver? Fique à vontade para fazer suas perguntas nos comentários do episódio. O Respira é uma troca nossa, para gerar reflexões que possam melhorar o dia a dia.

Se inscreva no canal do Personare no Youtube para acompanhar os próximos. Até lá e não se esqueça: Respira!

Mais sobre Ho’oponopono

+ Quer entender melhor sua personalidade? Leia o significado da combinação do seu signo com o seu ascendente.

+ O que você espera para sua vida em 2019? Veja previsões da Astrologia, Numerologia e Tarot para você.

+ As tendências coletivas da numerologia sinalizam amores bem intensos para 2019. Entenda melhor.

+ Fases da lua, eclipses e outros trânsitos. Veja o Calendário Astrológico de 2019.

Regina Restelli

Criadora da Terapia dos Chakras, que promove autoconhecimento e expansão da consciência amorosa. Suas consultas limpam as crenças no campo energético, trazendo bem-estar e energia para autotransformação.

[email protected]

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo