Previsões da numerologia para o amor em dezembro de 2018

Confira as tendências do mês para solteiros e comprometidos

Por Yubertson Miranda

Quer saber o que dezembro reserva para a sua vida amorosa? Com a Numerologia, é possível oferecer previsões personalizadas sobre Amor para solteiros e comprometidos, com base no Ano Pessoal, Trimestre Pessoal ou Mês Pessoal. Calcule gratuitamente o seu Ano Pessoal e Trimestre Pessoal no Mapa do Ano. Depois, descubra seu Mês Pessoal também.

As interpretações abaixo indicam as principais oportunidades e desafios que você tende a viver nos relacionamentos em setembro. Vale lembrar que, para uma visão mais profunda do seu momento afetivo, é indicado consultar a versão completa das análises numerológicas.

ANO UNIVERSAL 2 E MÊS UNIVERSAL 5

Este é um período de mudanças nas parcerias e alianças contratuais, sejam afetivas ou comerciais. A simbologia do 5 aponta para crises que demandam a disposição de buscar novidades ou adaptação diante do que for alterado em sua vida, especialmente no que diz respeito a relacionamentos, alianças e sociedades (uma vez que o simbolismo do 2 enaltece as relações). Sendo assim, muita atenção para não tomar decisões precipitadas e romper vínculos por conta de uma rebeldia imatura e impulsiva.

Dezembro demandará muito jogo de cintura para dialogar e buscar acordos. Embora algumas relações possam terminar, há chances de outras parcerias engatarem, tal como um contrato que acaba e outro que se inicia, uma sociedade que chega ao fim e estabelece uma nova com outra pessoa. Então, espere pelo inesperado em suas relações. Viagens (tema do número 5) a dois (associado ao número 2) também estão favoráveis neste mês. Ou simplesmente a espera e os acordos envolvendo cursos, viagens, novidades e implementação de tecnologia no seu dia a dia pessoal, estudantil ou profissional.

Muita atenção para não tomar decisões precipitadas e romper vínculos por conta de uma rebeldia imatura e impulsiva

ANO PESSOAL 1 – TRIMESTRE PESSOAL 3 – MÊS PESSOAL 4

Se você não está se relacionando neste mês, você poderá usar o potencial de concretização simbolizado pelo 4 de seu Mês Pessoal. Direcioná-lo para iniciar um relacionamento amoroso. Porque as simbologias do 1 (de seu Ano Pessoal) e do 3 (de seu Trimestre) mostram essa oportunidade de buscar novidade e renovação para sua vida através de um romance. Para isso, precisará vencer um certo conflito interno: um lado seu querendo uma relação séria, consistente e a longo prazo (representado pelo 4) e outro lado almejando a liberdade e a curtição sem compromissos (simbolizado pelo 1 e pelo 3).

Caso você esteja num relacionamento, este pode ser um período que a seriedade pode se chocar com a leveza. Um lado seu mais preocupado com a segurança e as bases estruturais de seu vínculo afetivo, já o outro lado desejando mais diversão. Conflito entre a tradição e a inovação, entre buscar algo novo para você e a pessoa parceira, a fim de terem mais prazer, e manter a segurança e as coisas como estão. O ideal é dividir bem o tempo entre o lazer e o dever. E buscar administrar bem as responsabilidades da vida a dois e o desejo por mais liberdade e autonomia neste relacionamento com seu par.

O ideal é dividir bem o tempo entre o lazer e o dever

ANO PESSOAL 2 – TRIMESTRE PESSOAL 4 – MÊS PESSOAL 5

Neste mês, se você não está se relacionando, poderá se perceber oscilando entre a vontade de não ter compromisso num vínculo a dois (representada pelo simbolismo do 5) e de ter um envolvimento mais sério e de longo prazo (conforme os números 2 e 4 apontam). Existe a possibilidade de conhecer alguém mais jovem ou jovial em algum curso ou viagem que fizer neste período. Alguém que irá mexer com você e te deixará em dúvida a respeito do futuro deste laço: é uma aventura ou pode ser a semente de uma relação sólida?

Caso esteja se relacionando, neste mês você poderá se deparar com algum imprevisto (uma surpresa, um evento inesperado, uma proposta que surge “do nada”) que tende a demandar alguma mudança considerável em sua parceria afetiva. Pode ser uma época excelente para viajar (tendência associada ao 5) com a pessoa parceira (simbolizada pelo 2) e até mesmo com a família de um de vocês (de acordo com o simbolismo do 4). Alguma crise talvez aconteça entre vocês, especialmente sobre assuntos familiares, domésticos ou financeiros. Pedirá companheirismo, planejamento e muito diálogo para superarem essa instabilidade na relação.

Momento pede companheirismo, planejamento e muito diálogo

ANO PESSOAL 3 – TRIMESTRE PESSOAL 5 – MÊS PESSOAL 6

Período de maior romantismo. Se você não está numa relação, poderá iniciar um vínculo afetivo. Uma amizade pode se transformar em amor. Ou conhecer alguém que algum amigo lhe apresenta. Participar de algum grupo também pode ser uma ótima oportunidade para se deparar com alguém com quem se envolverá. Existe a tendência entre o romance e a aventura. Por isso, uma relação talvez se efetive a partir de uma aventura sexual.

Se você está numa relação, o romance está em alta. E com grandes expectativas de vivenciar um mês em que o amor deverá ser prioridade. Só tenha uma atenção para não desanimar nem se decepcionar com a pessoa parceira ao idealizar a perfeição dela e do próprio vínculo de vocês. Será fundamental você compartilhar com seu par algum sonho para a vida de vocês. E buscar mudanças (conforme o 5 de seu Trimestre) em prol de mais prazer e diversão (já que tanto o 3 e o 5 assim sinalizam) com a pessoa parceira. Também é um mês apropriado para estar com a família (6), viajando (5) e curtindo (3).

É um período de muito romantismo

ANO PESSOAL 4 – TRIMESTRE PESSOAL 6 – MÊS PESSOAL 7

Se você não está se relacionando, poderá se perceber mais seletivo. Porque além de almejar um vínculo mais sério (conforme as simbologias do 4 e do 6 mostram), há uma maior reserva e desconfiança em relação ao outro. Pois o Mês Pessoal 7 sinaliza para esse receio de sofrer no amor. E isso “ativa” uma antena mais apurada para comprovar se o outro realmente merece sua confiança. Assim, se for para se envolver com alguém, só se for “pra valer”. Senão, preferirá o “antes só do que mal acompanhado”.

Caso esteja se relacionando, este mês você terá a oportunidade de compreender mais profundamente certas divergências entre você e seu par. E também enxergar melhor o quanto certas expectativas irrealistas de um relacionamento perfeito, de ter uma família perfeita e de estar com alguém perfeito podem estar atrapalhando o seu relacionamento amoroso. Busque um laço mais estreito de companheirismo com o seu par. Vença certos medos e limitações quanto a criar um novo nível de intimidade, inclusive sexual, entre você e a pessoa parceira.

Vença certos medos e limitações quanto a criar um novo nível de intimidade, inclusive sexual

ANO PESSOAL 5 – TRIMESTRE PESSOAL 7 – MÊS PESSOAL 8

Se você não está se relacionando, pode ser que prefira solidificar o status “livre”. Porque como o 8 (de seu Mês Pessoal) indica o potencial de materialização de certas tendências, olhamos para quais são essas através do Ano e do Mês Pessoal em que se encontra. E estes dizem respeito a um desejo por mais liberdade e independência. Os números 5 e 7 não são muito fãs de compromisso.

Têm um lado individualista marcante nesses simbolismos. Portanto, possivelmente preferirá preservar essa condição, ainda mais por se encontrar num período muito apropriado para estudar, fazer cursos, ler e aprender sobre aquilo que lhe interessa ou precisa, a fim de aperfeiçoar seu conhecimento na área em que você atua.

Se você está se relacionando, pode ser que você tenha menos tempo para a vida a dois. Seja porque está viajando a trabalho ou porque maiores responsabilidades em termos de estudos e cursos se apresenta como prioridade para você. Então, será importante ter a maturidade suficiente para se entender com a pessoa parceira, a fim de poder se dedicar mais a esse seu anseio por mais conhecimento e aprimoramento pessoal ou técnico-profissional.

Talvez alguma questão financeira ou profissional tenha forte influência na necessidade de compreender melhor alguma crise ou insatisfação na vida a dois. Com senso de justiça e decisões em conjunto com seu par, poderão encontrar as causas de determinada insatisfação ou desafio, a fim de renascerem com uma maior proximidade.

É um período muito apropriado para estudar, fazer cursos, ler e aprender sobre aquilo que lhe interessa ou precisa

ANO PESSOAL 6 – TRIMESTRE PESSOAL 8 – MÊS PESSOAL 9

Neste mês, se você não está se relacionando, pode ser que reflita bastante sobre algum relacionamento passado ou mesmo sobre o que vem vivendo nesta área afetiva. Essas reflexões poderão vir à tona possivelmente por algum reencontro. O importante é aproveitá-las, a fim de desenvolver uma nova maturidade para amar com mais comprometimento quando uma nova oportunidade de se relacionar se apresentar em sua vida.

Se você está numa relação, neste mês você e a pessoa parceira poderão refletir melhor sobre algumas questões financeiras que estão, de alguma maneira, interferindo nas relações familiares e no próprio relacionamento de vocês. É hora de se desapegar de certas crenças, valores e atitudes em relação ao poder, ao controle e ao dinheiro. Assim, poderão renascer enquanto reestruturam o vínculo de vocês e também o ambiente doméstico ou familiar.

Pode ser fim de uma reforma residencial também. Pois o 9 (de seu Mês Pessoal) simboliza um objetivo alcançado. E ele está direcionado para assuntos de construção e de estrutura (representados pelo 8 do Trimestre Pessoal) e do ambiente residencial ou doméstico (de acordo com a simbologia do 6 de seu Ano Pessoal). Algum sonho pode ser alcançado em termos familiares, tal como a casa própria, um imóvel, uma propriedade ou o nascimento de uma criança no seio familiar.

Algum sonho pode ser alcançado em termos familiares

ANO PESSOAL 7 – TRIMESTRE PESSOAL 9 – MÊS PESSOAL 1

Este é um período que você, caso não se relacione, ficará entre o desejo de iniciar uma relação íntima ou de finalizar alguma pendência afetiva com alguém do passado (nem que seja em termos emocionais, tal como o apego a um ex). Porque o 1 de seu Mês Pessoal sinaliza o início. O 9 de seu Trimestre Pessoal, o fim. Todos eles contribuindo para você se conhecer melhor, conforme é um dos maiores objetivos do Ano Pessoal 7.

Ou seja, para você perceber melhor quais os medos e barreiras a serem superados no que tange a iniciar um relacionamento íntimo, você vai precisar concluir alguns hábitos e começar outros. E que estes contribuam para você viver o amor de forma mais satisfatória com a próxima pessoa que se relacionar.

Caso você esteja se relacionando, este período pode ser bem marcante na sua vida a dois. Há o ímpeto de querer se separar ou simplesmente de ter mais independência, autonomia e um tempo para si na convivência com o seu par. Pode ser um mês para você e a pessoa parceira finalizarem uma etapa e iniciarem um novo ciclo entre vocês. Não precisa necessariamente colocarem um ponto final no relacionamento, se vocês estiverem dispostos a renovar este vínculo, enxergar um propósito maior para o mesmo e ganharem um novo nível de intimidade.

ANO PESSOAL 8 – TRIMESTRE PESSOAL 1 – MÊS PESSOAL 2

Este é um período em que você, que não está se relacionando, pode encontrar alguém. Afinal, o 2 de seu Mês Pessoal é muito apropriado para o amor. E como está desde Outubro num ciclo favorável para iniciar novas experiências (simbolizado pelo 1 de seu Trimestre Pessoal) e com a força de realização simbolizada pelo 8 de seu Ano Pessoal, realmente um novo amor poderá ser construído neste Dezembro.

Se você está numa relação, esta época poderá ser de muita impaciência de sua parte com a pessoa parceira. Ou de seu par com você. Há divergências e ajustes que precisarão ser feitos na base de muito diálogo e negociação. Cuidado para não entrarem em jogos de passividade-reatividade agressiva, tal como guardando mágoas e insatisfações que podem ser jogadas na cara da pessoa parceira quando a gota d’água for atingida. Daí mais uma vez a importância de conversar com o seu par, especialmente sobre o quanto precisa de mais tempo para seus projetos pessoais e profissionais, pois desde Outubro encontra-se numa fase bem dinâmica de novas oportunidades e desafios.

ANO PESSOAL 9 – TRIMESTRE PESSOAL 2 – MÊS PESSOAL 3

Período, para quem não está se relacionando, muito favorável para se divertir mais, sair com os amigos e ter essa vida social mais ativa (conforme representado pelo 3 de seu Mês Pessoal) a oportunidade de conhecer alguém e estabelecer um vínculo afetivo (tal como a simbologia do 2 sinaliza). Pode até ser uma amizade que se transforma em amor ou alguma pessoa conhecida lhe apresenta alguém interessante.

Outra forte tendência é a de precisar se desapegar de alguém do passado para poder desfrutar bem da companhia de alguém. Porque a dúvida entre duas ou três pessoas poderá atrapalhar a possibilidade de frutificar um amor repleto de companheirismo neste mês.

Se você está se relacionando, este mês é bem apropriado para descansar e curtir mais a pessoa parceira. Sair mais, dançar, namorar, transar, enfim, tudo o que gerar mais prazer e também mais intimidade com o seu par, melhor. Porque as simbologias do 3 (de seu Mês Pessoal) e do 2 (de seu Trimestre Pessoal) apontam para um potencial romântico e sociável significativo. Aproveite. É o período para vocês renascerem num novo nível de companheirismo e de afetuosidade.

Para quem não está se relacionando, pode ser que uma amizade se transforme em amor

O que você espera para sua vida em 2019? Veja previsões da Astrologia, Numerologia e Tarot para você.

+ Tendências da Astrologia para 2019. Veja as principaos tendências para o seu signo e o seu ascendente.

+ Descubra os seus principais potenciais para 2019 com o seu Mapa do Ano. Leia a amostra gratuita.

+ O que acha de aproveitar 2019 ao máximo? Descubra o número, o aroma e a pedra do seu ano.

Yubertson Miranda

Yubertson Miranda é numerólogo, astrólogo e tarólogo e é graduado em Filosofia. Ama encontrar significado nos eventos do dia a dia. É autor das análises numerológicas do Personare.

[email protected]

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo