Lua Nova em Escorpião inspira determinação e novos horizontes

Lunação de 07/11 a 07/12 de 2018 favorece transformações e planejamentos para o futuro

Por Vanessa Tuleski

O dia 07 de novembro de 2018, às 13h02 do horário de Brasília, é o início da Lua Nova em Escorpião. Essa lunação que vai atuar até 07/12.

A Lua Nova gera um Mapa Astral com inclinações gerais que duram cerca de 30 dias, período denominado de lunação. Conhecê-las ajuda a compreender as temáticas que irão predominar durante o espaço de um mês para si mesmo e para pessoas próximas, levando a aproveitar melhor este período.

Essas são tendências coletivas, que podem ser sentidas tanto por você como por pessoas próximas. Para entender também as suas tendências particulares, após a leitura consulte seus trânsitos lunares personalizados, no Horóscopo Personare.

Sensibilidade e intuição ampliadas

O sensível e intuitivo Peixes ocupa o Ascendente, com o seu regente, Netuno, também na Casa 1. Isto indica um mês lunar em que somos guiados pela sensibilidade, em que podemos, eventualmente, até nos envolver em excesso com outras pessoas, pois Peixes traz temáticas de ajudar e ser ajudado.

Peixes é também um signo que pede para seguir no fluxo, alertando que nem tudo pode ser controlado, as coisas nem sempre saem no tempo que queremos ou da forma que queremos. Contudo, isto não é motivo para não tentar fazer o possível.

Em vista de uma maior sensibilidade, há mais chance de alergias e viroses neste mês, com potencial de nos contaminarmos psicologicamente com algo, no famoso “efeito esponja”, ou então nossa confusão interior acabar criando sintomas.

No sentido positivo, Peixes rege magia, encantamento, e faz um aspecto harmonioso com Sol e Lua em Escorpião, o que tende a aumentar a tolerância e a capacidade de perdão, facilitando relacionamentos.

Relacionamentos: equilíbrio para haver continuidade

Aliás, o planeta das relações, Vênus, está um pouco melhor do que na última lunação, bastante tensa quanto a este tema, como mostrou as polarizadas eleições no Brasil. Ele ainda se encontra retrógrado, como na última lunação, o que gera reflexão e maior suscetibilidade e exigência para os relacionamentos, mas ao menos está em seu signo de domicílio, Libra, onde tem maior inclinação a tentar considerar o ponto de vista do outro e buscar equilíbrio.

Além disso, se encontra na progressista Casa 9, com o desejo de buscar relações que nos levem a progredir. É tempo de incentivar pessoas próximas, apontar pontos positivos, mais do que somente defeitos e críticas. O posicionamento também indica um mês interessante para fazer novos contatos em cursos, viagens e eventos.

Peixes faz um aspecto harmonioso com Sol e Lua em Escorpião, o que tende a aumentar a tolerância e a capacidade de perdão, facilitando relacionamentos

Vênus também faz um trígono com Marte, ambos em signos do elemento Ar, que valoriza o diálogo e doses saudáveis de liberdade e autonomia. Então, paras as relações afetivas fluírem, é recomendável evitar comportamentos dominadores e/ou impositivos, procurando um tom mais leve. Aliás, isto deve ser buscado em todos os relacionamentos, pois a retrogradação ainda marca um período de vulnerabilidade nas relações, com chance de afastamentos e rupturas, até porque Vênus está oposto ao imprevisível Urano.

Então, se um relacionamento é valioso para você, seja de amizade ou outro, recomenda-se observar posturas e palavras. Porém, se o outro é quem está sendo de alguma forma impositivo ou autoritário, talvez seja você quem vá preferir ficar mais afastado neste período e reciclar/renovar suas relações. Só cuide para não jogar boas relações fora por ser intolerante e radical.

É um mês interessante para fazer novos contatos em cursos, viagens e eventos

Vênus/Marte também traz boa libido para os relacionamentos afetivos. Marte ocupa a Casa 12, da privacidade e/ou fantasias, o que pode turbinar a libido nas relações existentes e gerar mais iniciativa nas paqueras, que, porém, podem ter ainda alguns empecilhos. Mas não se surpreenda se alguém do passado retornar, seja nas amizades ou no amor, pois isto tem a ver com a retrogradação de Vênus também.

Lunação na Casa 9: inspiração para voos mais altos

A Lua nova ocorre no signo de Escorpião, que também tem o planeta Júpiter no último grau. Há, portanto, uma ênfase neste signo, que fala em limpar, enfrentar, transformar, lutar, batalhar.

Este é um signo intenso, de grandes paixões. No uso positivo, pode fazer com que a paixão reverta positivamente e se transforme em determinação para objetivos. A Casa onde cai a lunação, a 9, é uma das melhores casas, pois se alinha a projetos e desejo de elevação. Ela vislumbra novos horizontes, algo importante no final do ano, quando muitos tomam decisões e efetuam ações práticas para o ano seguinte. Este é o setor das especializações, estudos, viagens, que podem ter de ser decididos neste mês se houver a pretensão de iniciar 2019 com uma nova especialização ou faculdade, por exemplo.

Assim, há muita limpeza escorpiana, boas doses de intensidade (que é preciso saber usar para o lado positivo, como explicado acima, para que não se converta em ódio cego, radicalismo e desejos de vingança, no lado sombrio do signo), mas também muito otimismo e desejo de elevação (Casa 9).

Esta é também a casa da justiça, ética e valores maiores que podem guiar este mês, se for escolhido este caminho. O fantástico trígono do Sol/Lua com Netuno pode garantir altas doses de intuição e inspiração que nos ajudem a perceber mais profundamente (Escorpião) questões e o que temos que mirar adiante.

Sol e Lua também fazem sextil com Plutão na Casa 11, das amizades e grupos, que podem ter um potencial transformador e de cura nesta lunação. Há também decisões importantes ligadas ao futuro, outro tema desta 11ª Casa, que é ocupada pelo também sério e empenhado Saturno, marcando um período de procurar termos uma visão mais ampla para o futuro e fazermos escolhas e tomadas de decisão.

Vida profissional: mês de trocas e comunicações

O comunicativo Mercúrio se encontra no visionário Sagitário na Casa 10, do âmbito público e carreira. Isto favorece um mês de trocas, comunicações e novas ideias. Contudo, Mercúrio faz uma quadratura larga com Netuno, o que pode indicar a necessidade de observar que estas ideias sejam de fato realistas. De todo modo, a mente está mais expansiva e entusiástica neste mês, que favorece palestras, simpósios e eventos e que precise se comunicar.

O regente da Casa 10 encontra-se em Escorpião, indicando que o progresso (Júpiter) vai estar associado a fazer limpezas e finais de ciclo (Escorpião) para poder começar algo novo melhor e com horizontes mais amplos (Casa 9).

Atuação nos bastidores

Marte ocupa a Casa 12, a dos bastidores, indicando um mês para se trabalhar bastante em projetos desta forma ou em segredo, outro tema desta Casa, como alguém que prepara um lançamento ou fica em casa escrevendo uma dissertação.

Esta é também uma Casa muito ligada à parte psicológica e isto também pode interferir no andamento das ações. Ou seja, se estiver bem emocionalmente, a tendência é a de os trabalhos fluírem, mas, se estiver mal, pode ser que seja preciso uma pausa para se recuperar de doenças e se reorganizar emocionalmente.

O progresso (Júpiter) vai estar associado a fazer limpezas e finais de ciclo (Escorpião) para poder começar algo novo melhor

Marte tem a ver com a autonomia. Algumas pessoas podem sentir a autonomia prejudicada neste mês, por ter de ajudar outras pessoas, ou, então, querer fazer algo de imediato, mas precisar esperar um pouco, por exemplo.

Esta é também o setor dos “inimigos ocultos”, que poderão estar bastante ativos (Marte), tanto pessoas podendo prejudicar (seja de forma intencional ou não) como processos de autossabotagem. Contudo, há um sextil entre Marte e Urano, indicando um mês positivo para, discretamente (Casa 12), tentar introduzir novos hábitos e fazer mudanças.

A principal mudança nesta lunação se dá no plano mental, já que Urano ocupa a Casa 3, da mente, convidando a novas formas imediatas de ver questões e pensar. Como há uma oposição entre Urano e Vênus, o período convida a revisar valores, com altas chances de uma expansão da visão a partir disso. Lembrando que Escorpião em destaque implica em olhar para o que não está bem se queremos ir adiante.

Amizades e grupos

Amigos e grupos podem estar envolvidos com muito trabalho, com Saturno na Casa 11, bem como com processos de transformação, com Plutão também nesta casa. O período também privilegia encontros em grupo que possam ser práticos (Saturno) ou então terapêuticos (Plutão), ou ambos. E estes dois planetas nesta casa, como foi dito no tópico anterior, podem dizer respeito a um mês em que temos de definir o futuro próximo e fazer escolhas.

A Casa 9 lotada também sugere um tempo muito favorável para cursos, viagens, palestras e vivências que ajudem a sair do lugar comum. Quem tiver que apresentar dissertações e trabalhos acadêmicos está com sorte de ter uma lunação com muito sucesso e destaque para isto.

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski mora no RJ e dá consultas astrológica-terapêuticas pessoalmente ou à distância, focando no que o céu tem a dizer, mas também no que o livre arbítrio pode fazer.

[email protected]

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo