Pacientes protestam contra falta de medicamentos em Campinas

Por Metro Campinas
Ato pede entrega de remédios para diabéticos - luciano claudino/folhapress
Pacientes protestam contra falta de medicamentos em Campinas

Um grupo de pacientes que dependem de remédios e insumos para o tratamento da diabetes protestou ontem em frente à DRS 7 (Diretoria Regional de Saúde) contra a falta constante dos produtos.

Segundo eles, os funcionários da Farmácia de Alto Custo dizem que o problema é devido à “falta de verba”. “Só que na capital tem o medicamento. Se tem falta de dinheiro teria que ter problemas em todos os lugares”, disse a paciente Luciana Cervantes.

Sem a ajuda do Estado, os pacientes disseram que não têm como manter o tratamento. O custo mensal é de cerca de R$ 2,5 mil para a compra do kit que inclui cateter, reservatório, sensor e a insulina. “Os insumos para a bomba nos ajuda no controle da doença. E todo mês sempre falta um tipo de produto”, reclama Luciana.

Raquel Gimenes disse que o Estado não está sequer cumprindo ordens judiciais. “O problema já se arrasta há mais de um ano. Eles não entregam os insumos para os diabéticos mesmo com ordem judicial”, disse ela, que depende dos medicamentos para controlar a diabetes.

O grupo informou que está se organizando para entrar com uma ação coletiva contra o Estado para que a entrega dos medicamentos não seja descontinuada.

Em nota, o Estado informou que a entrega dos medicamentos compete ao município e que os itens não previstos na legislação federal são fornecidos judicialmente. Diz que tem atendido aos pedidos, mas que devido à exigência de licitações o processo pode atrasar.  

Loading...
Revisa el siguiente artículo