Mercedes lança nova versão de utilitário, mais jovem e moderna

Por Tercio Braga
Modelo traz teto mais baixo e carroceria mais alta | Divulgação Modelo traz teto mais
baixo e carroceria mais alta | Divulgação

O GLA, quarto integrante da nova geração de compactos da Mercedes-Benz, foi apresentado no Brasil em meio a um clima de festa, durante a oitava edição do Mercedes-Benz Top Night, evento anual da marca, em São Paulo.

Sem perder de vista o conceito dos SUVs da fabricante alemã, o GLA traz a proposta de um design  jovem e moderno, para se adequar ao gosto de um comprador que trafega mais pela cidade do que pela estrada. Por isso mesmo, essa nova versão vem com teto mais baixo e carroceria elevada, tornando a dirigibilidade do carro mais confortável.

Números

Carro vem equipado com motor 1.6 turbo a gasolina | Divulgação Carro vem equipado
com motor 1.6 turbo a gasolina | Divulgação

A primeira versão do crossover repaginado deve chegar ao mercado brasileiro no segundo semestre de 2014, com preço aproximado de R$ 150 mil, oferecendo motor 1.6 turbo a gasolina, 156 cv e 24.5 kgfm de torque, câmbio de dupla embreagem, sete marchas, bagageiro com capacidade inicial para 421 l, que podem ser aumentados para 836 l, na primeira das cinco versões disponíveis: GLA, GLK, ML, GL e G.

Em comparação com o novo Classe A, usado como plataforma para o novo modelo, o GLA tem 4.42 m de comprimento, contra os 4.39 m; 1.80 m de largura, ou seja, 2 cm a mais e 1.49 de altura, um aumento de 5 cm do Classe A. Inicialmente, o modelo deve vir importado da Alemanha, com um pacote completo de equipamentos. Mas a partir de  2016, passa a ser fabricado no país, junto com a nova geração do Classe C, na fábrica da montadora, em Iracemápolis, interior de São Paulo.

Interior

Painel com acabamento em madeira | Divulgação Painel com acabamento
em madeira | Divulgação

Como carro também é item de status social, a Mercedes-Benz oferece um veículo com grande apelo visual: o design esportivo, caixas de rodas grandes e interior com detalhes trabalhados. O painel pode receber acabamento em alumínio ou madeira, dependendo da versão escolhida. Outros itens já comuns em Mercedes, como display central com cantos arredondados e aberturas de ventilação, também marcam presença no GLA.

O toque esporte do veículo aparece na carroceria, mas também no interior. Os bancos lembram o de um carro de corrida, mas sem perder o conforto. O volante conta 12 teclas funcionais ao alcance da mão de quem está dirigindo.

Em uma época em que manter-se conectado é essencial, o sistema multimídia disponibiliza o recurso Glympse, com o qual o motorista pode compartilhar sua localização com sua lista de contatos favoritos. Outras facilidades tecnológicas como sistema de freio automático, assistente de  mudança de faixa, de estacionamento e auxiliar de ponto cego, incremetam o GLA.

Em tempo

Quem esteve presente no evento também pode conferir o CLA 45 AMG, novo cupê quatro portas da Mercedes-Benz, que deve chegar no final do segundo semestre por aqui, beirando os R$ 300 mil. O destaque fica por conta do pacote de alta tecnologia: motor de quatro cilindros, transmissão AMG 4MATIC voltada para a performance e o sistema propulsor de desempenho, já presente no A 45 AMG, desde dezembro disponível no mercado nacional.

Mas, o mais interessante do primeiro modelo compacto de alto desempenho da Mercedes-Benz não pode ser sentido pelos presentes porque o A 45 AMG, com seu motor de 2.0 litros e quatro cilindros, potência máxima de 360cv e até 450 Nm de torque, só estava disponível para exposição no salão da festa, sem direito a test-drive.

Fabricação nacional  está prevista para 2016 | Divulgação Fabricação nacional
está prevista para 2016 | Divulgação

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo