Sangrando pelos olhos: maconha sintética provoca hemorragia grave em usuários

Por Victória Bravo

O Departamento de Saúde Pública de Chicago está em alerta devido ao aumento de pacientes com hemorragias após o consumo de maconha sintética.

Em Chicago, pelo menos oito casos foram relatados, enquanto o Departamento de Saúde Pública de Illinois confirmou que desde 7 de março pelo menos 22 pessoas foram hospitalizadas com essa condição.

A cannabis processada é comercialmente conhecida como K2, Spice, Black Mamba, Bombay Blue, Genie e Zohai. Esta substância é vendida em forma líquida para ser usada em vaporizadores ou como incenso de ervas ou na sua versão para ser fumada.

De acordo com a mídia local, todos os pacientes tiveram os mesmos sintomas que incluem hemorragia grave nos olhos e ouvidos.

Pacientes com sangramento no nariz, gengivas e vômito também foram relatados, juntamente com grandes hematomas que aparecem pelo corpo da vítima.

Isso se deve ao composto presente nos canabióides sintéticos, uma vez que é uma mistura de centenas de substâncias químicas que, quando consumidas, agem nas células receptoras do cérebro, imitando o efeito da maconha normal.

De acordo com o comunicado oficial emitido pelas autoridades, os efeitos sobre a saúde podem ser imprevisíveis e potencialmente fatais.

No momento, a única coisa que as autoridades conseguiram fazer para impedir o surto de casos foi pedir às farmácias para manter estoque de vitamina K, que poderia combater o sangramento.

Segundo o Publimetro, do Chile, até agora não houve nenhuma morte associada à substância.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo