No Dia da Mulher, homem pulveriza ácido na esposa por dar à luz a uma menina

Por Metro Internacional

Siraj Biwi, de 32 anos, atacou sua esposa Farah (25) logo após o parto da sua terceira filha, enquanto a mulher estava dormindo. A vítima sofreu queimaduras no rosto, mãos e barriga e está em um hospital em Moradabad, na Índia.

O crime foi motivado pela frustração do agressor em ter uma terceira filha mulher e nenhum filho homem.

Farah Biwi revelou às autoridades que depois de ter sua primeira filha, a família do marido começou a pressioná-la a ter um filho e até exigiu que ela pedisse aos pais dinheiro para compensar a falta de um filho do sexo masculino, uma situação que piorou e ela começou a ser agredida fisicamente e verbalmente.

A vítima do ataque brutal também informou que nunca se separou do homem por pensar nas suas filhas e porque ela não tinha dinheiro para mantê-las: "É por isso que me submeti a essa tortura", lamenta.

Segundo o Daily Mail, ela confessou que nunca imaginou que as agressões chegariam a este ponto.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo