Sobe para 13 o número de mortos após queda de helicóptero no México

Por Ansa

Subiu para 13 o número de mortos no acidente com o helicóptero militar que carregava o ministro do Interior do México, Alfonso Navarrete Prida, em Oaxaca, estado atingido por um terremoto na última sexta-feira (16).

As vítimas estavam em um acampamento na cidade de Santiago Jamiltepec para pessoas que procuravam refúgio após o tremor, que teve magnitude 7.2 na escala Richter. Entre os mortos estão um bebê de quatro meses, duas meninas de nove anos, quatro homens e cinco mulheres. Uma pessoa ainda não teve a identidade revelada.

O helicóptero, que também levava o governador de Oaxaca, Alejandro Murat, caiu sobre alguns veículos no momento do pouso, após sobrevoar áreas atingidas pelo terremoto. Todas as vítimas estavam em terra, e tanto Navarrete Prida quanto Murat escaparam com ferimentos leves.

As causas do acidente estão sendo investigadas. "Sinto profundamente pelo que estão vivendo meus conterrâneos de Jamiltepec. Minhas orações estão com as famílias afetadas por essa perda irreparável", declarou o governador no Twitter.

O sismo de sexta-feira teve epicentro no estado de Oaxaca e foi sentido inclusive na capital do país, Cidade do México, a mais de 500 quilômetros de distância, porém não deixou vítimas diretas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo