Bebê de oito meses é estuprada pelo primo e corre risco de vida

Por Metro Internacional

Uma bebê de oito meses está lutando pela vida depois de ter sido estuprada pelo primo de 28 anos enquanto seus pais trabalhavam.

A criança foi encontrada sangrando por sua mãe depois de retornar do trabalho em Nova Délhi, na Índia.

Segundo o Metro Reino Unido, os médicos confirmaram a violação e revelaram que o bebê teve que se submeter a uma cirurgia de emergência, pois seus órgãos internos foram danificados durante o crime.

O pai do bebê contou que ele e a esposa tinham ido trabalhar, deixando os filhos em casa e quando voltaram viram a cama e as roupas da criança ensanguentadas.

Swati Maliwal, chefe da Comissão de Mulheres de Nova Délhi, disse que estava frustrada com a "completa apatia do sistema" que viu ao visitar a criança no hospital.

Em forte depoimento, Swati revelou: "Ainda posso ouvir seus gritos. Como chefe da Comissão de Mulheres de Nova Délhi, me sinto horrorizada com o abuso de uma criança, sinto como se eu tivesse sido estuprada”.

Se um agressor for considerado culpado, a chefe pede a pena de morte do criminoso em até seis meses após o crime.

Violações brutais, particularmente de crianças, continuam sendo relatadas em toda a Índia. De acordo com números da National Bureau of Crime Records, houve um aumento de 82% nos incidentes de estupro de crianças em 2016 comparado ao ano de 2015.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo