Deficiente espancada que teve as mãos queimadas por adolescentes está internada em hospital

Por Metro Jornal São Paulo

Uma jovem de 17 anos, que tem deficiência intelectual, foi torturada por três adolescentes na Austrália.

A garota teve as mãos queimadas e sofreu lesões na cabeça, que foi batida diversas vezes contra o tampo de uma mesa.

“Minha filha nunca mais será a mesma. Ela ficou irreconhecível. Os ossos do seu rosto foram quebrados”, disse a mãe da jovem ao programa "Ten Eyewitness News" da TV australiana.

Os agressores, que têm entre 15 e 12 anos, ainda filmaram o espancamento e jogaram o vídeo nas redes sociais, mas foram presos logo depois.

A vítima, entretanto, ainda está no hospital e não tem previsão de alta.

Veja o vídeo:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo