Estrela americana do YouTube provoca revolta com vídeo que mostra corpo de suicida

Vídeo mostra Logan Paul e amigos na floresta japonesa de Aokigahara, conhecida como um local com frequentes suicídios; após reação negativa, youtuber pediu desculpas.

Por BBC Brasil
Estrela americana do YouTube provoca revolta com vídeo que mostra corpo de suicida

Uma estrela americana do YouTube virou alvo de uma onda de críticas após postar um vídeo que mostra o corpo de uma pessoa que, aparentemente, acabara de se suicidar no Japão.

O vídeo mostra Logan Paul e amigos na floresta de Aokigahara, na base do Monte Fuji, conhecida como um local com frequentes suicídios.

Ao entrar para filmar o que chamavam de "floresta mal-assombrada", eles se depararam com um corpo. O grupo então demonstra choque, mas também faz piadas.

Comentários na internet classificaram a filmagem como "desrespeitosa" e "revoltante". O vídeo foi postado no domingo e teve milhões de acessos antes de ser retirado do YouTube.

Logan Paul, que tem mais de 15 milhões de inscritos em seu canal no site, publicou um pedido de desculpas no Twitter, dizendo que foi "induzido ao erro pelo choque e pavor".

Reputação trágica

Aokigahara tem a triste reputação, tanto no Japão como internacionalmente, de ser um destino para jovens que desejam tirar a própria vida.

Os dados anuais de mortes não são divulgados, para evitar dar publicidade ao local, mas acredita-se que em alguns anos houve mais de cem suicídios.

Placas ao longo da floresta fazem apelos para que as pessoas procurem ajuda médica em vez de se suicidarem.

O vídeo de 15 minutos de Logan Paul faz parte de uma série de postagens sobre uma viagem dele com amigos pelo Japão.

A visita à floresta tinha a intenção de explorar o aspecto "mal-assombrado" do local, diz o vídeo.

Após caminhar alguns metros pela mata, o grupo se depara com o corpo.

Os jovens são filmados se aproximando da pessoa morta, que aparece em diversos closes com o rosto desfocado.

Um integrante do grupo é ouvido dizendo que não se sentia muito bem. Paul Logan, então, pergunta: "Que isso? Você nunca esteve perto de um cara morto?". Em seguida, ele ri.

A identidade do homem morto é desconhecida. O Japão tem uma das mais altas taxas de suicídio entre os países desenvolvidos.

99434934loganpaul-6370a74b5f658487384974d7c355b851.jpg Logan Paul depois postou pedido de desculpas no Twitter / Getty Images

Críticas

Logan Paul recebeu uma enxurrada de críticas no Twitter.

E embora algumas pessoas tenham dito que o vídeo ajudou a trazer conscientização para a questão do suicídio de jovens, a grande maioria das manifestações foi negativa.

Ele foi acusado de agir de forma inapropriada e desrespeitosa. Alguns pediram seu canal fosse removido do YouTube.

Em resposta, Paul postou uma mensagem de desculpa no Twitter: "Estou cercado de pessoas boas e acredito que tomo decisões corretas, mas sou um ser humano. Eu posso cometer erros".

Ele disse que queria causar um "efeito positivo na internet", não uma onda de "negatividade". Segundo o youtuber, sua intenção era conscientizar sobre o suicídio e sua prevenção.

"Nunca recebi críticas como essas, porque nunca cometi um erro assim antes", afirma. Paul também argumenta que não ganhou dinheiro com a divulgação do vídeo.

O YouTube, que paga aos provedores de conteúdo por vídeos que atingem um determinado número de visualizações, ainda não respondeu ao pedido da BBC por uma manifestação sobre o caso.

©
Loading...
Revisa el siguiente artículo