Mugabe renuncia à Presidência do Zimbábue após quatro décadas no poder

Por Agência Brasil
Philimon Bulawayo/Reuters
Mugabe renuncia à Presidência do Zimbábue após quatro décadas no poder

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, renunciou ao cargo nesta terça-feira (21), pouco após o Parlamento ter aberto um processo de impeachment para encerrar seu regime de quatro décadas.

O político de 93 anos se segurava no poder há uma semana, desde que o Exército assumiu o controle e ele foi expulso de seu próprio partido, a União Nacional Africana do Zimbábue – Frente Patriótica (ZANU-PF), que também cobrava sua renúncia.

Durante uma reunião conjunta do Parlamento, houve muita comemoração quando o presidente da Casa, Jacob Mudenda, anunciou a renúncia de Mugabe e suspendeu os procedimentos de impeachment.

A origem da queda repentina de Mugabe está na rivalidade existente entre membros da elite governista do país para decidir quem o sucederá, e não em protestos populares contra seu governo.

O Exército assumiu o poder depois que Mugabe demitiu Emmerson Mnangagwa, favorito do ZANU-PF para sucedê-lo, para abrir caminho à sua esposa, Grace, para a Presidência.

Mnangagwa deve substituir Mugabe no cargo de presidente do Zimbábue.

Loading...
Revisa el siguiente artículo