Coreia do Sul diz que EUA não podem atacar Coreia do Norte sem consentimento

Por Agência Brasil
REUTERS/Tim Kelly
Coreia do Sul diz que EUA não podem atacar Coreia do Norte sem consentimento

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, não deve "sob nenhuma circunstância" adotar ações militares contra a Coreia do Norte sem o consentimento da Coreia do Sul, disse a líder do partido governista sul-coreano, Choo Mi-ae, nesta última quarta-feira (15).

"O presidente Trump frequentemente enfatiza que coloca todas as opções sobre a mesa", disse Choo a um centro de estudos de Washington. "Nós queremos garantir que essa opção de outra guerra não seja colocada sobre a mesa. Sob nenhuma circunstância o governo dos EUA deve avançar e explorar uma opção militar sem o consentimento da Coreia do Sul. Precisamos buscar uma solução pacífica para a questão em qualquer maneira que nos esteja disponível".

Os comentários de Choo, que deve se encontrar com autoridades do governo Trump em Washington, mostram a preocupação sul-coreana de que qualquer ataque dos EUA contra os programas nuclear e de míssil da Coreia do Norte pode provocar retaliações devastadoras por parte de Pyongyang (a capital norte-coreana) contra Seul.

Loading...
Revisa el siguiente artículo