Campeão de Taekwondo anuncia rim no Facebook para pagar a festa de 15 anos da filha

Por Metro Jornal

Maximiliano Javier Almandoz, campeão de taekwondo, anunciou a venda de seu rim nas redes sociais para realizar o sonho de sua filha, segundo o site mexicano 24 horas.

"Eu estou vendendo meu rim para fazer a festa de 15 anos da minha filha", disse no sábado, em um grupo no Facebook onde dezenas de pessoas de diferentes partes da América Latina oferecem órgãos para vender.

A notícia repercutiu em jornais de toda a América latina. Almandoz, de 40 anos,  postou uma foto onde aparece no Jardim Botânico de Buenos Aires, na Argentina, a poucos metros de onde supostamente trabalha, no La Rural, um site da Sociedade Rural Argentina para diversos eventos.

O atleta afirma que trabalha 17 horas por dia entre as duas atividades (site e aulas de Taekwondo) e ganha cerca de 14 mil pesos por mês (aproximadamente R$ 2,6 mil). Segundo ele, é a única renda da família, suficiente apenas para sustentar a mulher e seus dois filhos.

"Eu tenho quatro geladeiras e estou pagando 8 mil pesos de luz, então eu tive que encontrar um segundo emprego. Isso é suficiente para comprar comida e pagar algumas contas, nada mais ", lamentou.

Almandoz argumenta que na Argentina não há bons empregos para os cidadãos que só possuem o ensino médio e  por isso agora ele só têm tempo para "trabalhar e trabalhar".

No Brasil, a venda de órgãos é proibida por lei. A pena para quem for flagrado comprando ou vendendo órgãos humanos pode chagar a 8 anos de prisão.

Loading...
Revisa el siguiente artículo