Tempestade de neve deixa ao menos oito mortos nos EUA

Por Carolina Santos
Altura da neve chegou a 1,5 metro em alguns lugares | John Normile/Getty Images/AFP Altura da neve chegou a 1,5 metro em alguns lugares | John Normile/Getty Images/AFP

Uma tempestade de neve, a primeira da temporada de inverno nos Estados Unidos, deixou pelo menos oito mortos e muitas casas sem energia elétrica no nordeste do país.

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, decretou estado de emergência em dez condados do noroeste do estado e alertou a população para que tome precauções.

“Se estiverem na área afetada pela tempestade, permaneçam em casa. Vai continuar nevando”, declarou Cuomo, pouco depois de solicitar a presença da Guarda Nacional para ajudar os serviços de emergência.

Cerca de 9.537 pessoas seguem sem eletricidade. No condado de Erie, na fronteira com o Canadá, os habitantes acordaram nesta quarta-feira com muita neve nas ruas.

Nessa região, que tem Buffalo como capital, quatro pessoas morreram em consequência de ataques cardíacos no momento em que retiravam a neve dos telhados e dos quintais de suas casas. Uma quinta pessoa foi atropelada quando tentava ajudar a desatolar um veículo e um homem de 46 anos foi encontrado sem vida em seu veículo, totalmente coberto pela neve. As outras mortes foram registradas em New Hampshire e Michigan.

As autoridades recomendaram aos idosos que não tentem retirar a neve, que pode chegar a 1,5 metro nas ruas.

“Algumas partes de nosso condado receberão em três dias uma quantidade de neve que é acumulada em anos”, disse o administrador do condado de Erie, Marcos Poloncarz.

“Continuamos presos. Há quase 30 horas que não conseguimos nos mover”, escreveu no Twitter o grupo de rock Interpol, que teve que cancelar um show na terça-feira à noite em Toronto.

A paisagem foi tomada pelo branco da neve em quase toda região metropolitana de Buffalo, vizinha das cataratas do Niágara, onde vivem cerca de 1,1 milhão de pessoas.

Muitas ruas seguiam bloqueadas nesta quarta-feira, enquanto várias escolas e centros comerciais permaneciam fechados.

Cerca de 150 veículos foram abandonados na estrada i90 e dezenas de voos foram cancelados no aeroporto de Buffalo-Niagara, de acordo com o site especializado Flightaware.com.

Uma equipe de basquete feminino da Universidade de Niágara ficou presa por mais de 24 horas em um ônibus retido em uma estrada, e só foi resgatada às 4h desta quarta-feira.

A imprensa local também informou que pelo menos uma pessoa ficou presa em meio aos escombros depois de o teto de sua casa desabar.

Os caminhões equipados para retirar a neve geralmente não podem operar de forma eficaz quando há mais de um metro de neve.

Alguns socorristas foram obrigados a carregar macas nos ombros devido à impossibilidade de circular em ambulâncias. Outros paramédicos utilizavam veículos específicos para neve no atendimento às chamadas de emergência, segundo imagens transmitidas pela televisão.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo