Adolescente brasileira desaparece no Japão

Por lyafichmann
Menina desapareceu quando ia a uma academia de artes | Arquivo pessoal Menina desapareceu quando ia a uma academia de artes | Arquivo pessoal

Uma adolescente de 16 anos filha de brasileiros desapareceu na noite de terça-feira (horário local) na região central do Japão. Segundo a mãe da menina, Flavia Tokunaga, a filha não apareceu em uma aula na academia de artes em que estuda, em Nagoya, a cerca de 35 minutos de viagem de trem. July Tokunaga é cantora.

A família lançou uma campanha pelas redes sociais e nas ruas de Okazaki, onde vive, atrás de informações sobre o paradeiro da menina. A polícia foi acionada e está envolvida nas buscas. Segundo Flavia, as autoridades disseram que não era possível rastrear a menina pelo sinal do celular porque o aparelho dela estaria “offline”. “Estou em pânico”, disse Flavia.

Academia

July Tokunaga foi vista pela última vez saindo de casa por volta de 12h de terça-feira (horário local, cerca de 0h em Brasília). Segundo a mãe, ela deveria ter ido à academia de artes de Nagoya, onde frequenta um curso de performance de palco, dança e canto. Nesse dia, porém, a jovem não apareceu no local.

Segundo amigos da família, July, que também estuda uma escola de música, sempre ligava para os pais quando ocorria algum imprevisto.

“Ela costumava sempre me enviar mensagens pelo aplicativo Line dizendo que chegou, mas nesse dia ela não escreveu”, diz a mãe. “Mandei uma mensagem para ela às 13h40 (horário local, começo da madrugada de quarta-feira no Brasil) mas ela não leu nenhuma das minhas comunicações”. O aplicativo, muito usado no Japão, segundo ela, avisa quando uma mensagem é lida pelo destinatário. “O o celular ficou ‘offline’ desde ontem”, disse.

O pai da menina, Henrique Tokunaga, foi à delegacia com os policiais que investigam o caso, que também estiveram na residência do casal. De acordo com Flavia, apesar de haver câmeras de vigilância no trem que a menina usaria na viagem até Nagoya, a polícia disse que as imagens não ajudaram.

Loading...
Revisa el siguiente artículo