EUA lançam novos ataques contra o Estado Islâmico no Iraque

Por fabiosaraiva
EUA voltaram a bombardear alvos do Estado Islâmico no Iraque | Reuters EUA voltaram a bombardear alvos do Estado Islâmico no Iraque | Reuters

O exército americano lançou novos ataques aéreos às forças do Estado Islâmico (EI) no Iraque, perto da represa de Mosul e da cidade de Amerli, anunciou o Pentágono neste domingo.

“O ataque perto de Amerli danificou um tanque do EI, e o ataque perto da represa destruiu um veículo. Todos os aviões deixaram as zonas de ação a salvo”, diz o comunicado do Departamento de Defesa.

Alemanha enviará armas

A Alemanha ajudará os curdos em sua luta contra os jihadistas do EI no Iraque com uma primeira remessa de armas que consiste em 30 mísseis antitanque e milhares de fuzis, anunciou neste domingo o governo alemão.

“A situação no Iraque é crítica. A comunidade internacional deve apoiar aqueles que são perseguidos”, declarou a ministra da Defesa, Ursula von der Leyen, após uma reunião de ministros com a chanceler Angela Merkel.

O valor das armas, procedentes dos depósitos do Exército alemão, é de 92 milhões de dólares, segundo o site do Ministério da Defesa.

De acordo com Ursula, as primeiras remessas permitirão equipar 4 mil soldados até o fim de setembro. O governo alemão também oferecerá um curso de manutenção das armas, que acontecerá nos dois países. Estados Unidos, Itália, França e Grã-Bretanha também se comprometeram a enviar armas às forças curdas.

Merkel explicará a decisão, tomada no último dia 20, aos deputados, que convocaram uma sessão extraordinária no parlamento para esta segunda-feira.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo