Estados Unidos já sobrevoam Síria, dizem fontes do governo

Por lyafichmann
Radicais do Estado Islâmico anunciam tomada de cidade síria | Reuters Radicais do Estado Islâmico anunciam tomada de cidade síria | Reuters

Fontes do governo dos EUA disseram nesta terça-feira que aeronaves norte-americanas já estão sobrevoando a Síria em uma operação para vigiar integrantes do Isis (Estado Islâmico). Segundo a rede de TV “CNN” e o jornal “New York Times”, que citam fontes do alto escalão em Washington, o presidente Barack Obama teria autorizado a operação no fim de semana.

Segundo fontes do Departamento de Defesa mencionados pelo “New York Times”, os voos de reconhecimento seriam feitos com diferentes aeronaves, como drones, não tripulados, e outros aviões especiais.

Se confirmados, os sobrevoos são o primeiro passo para ataques dos EUA contra alvos do grupo radical islâmico na Síria. As forças norte-americanas já vêm promovendo ataques aéreos contra os radicais no norte do Iraque há duas semanas.

O jornal destaca a preocupação da Casa Branca de atacar os radicais sunitas sem ajudar o presidente sírio Bashar al-Assad, cujo país está mergulhado em uma guerra civil violenta, em que cerca de 200 mil pessoas já morreram, segundo a ONU.

Uma fonte no Pentágono disse ao jornal que “os voos são um passo significativo em direção à ação militar direta dos EUA na Síria, uma intervenção que poderia alterar o campo de batalha na guerra civil de três anos no país”.

Não será fácil

Ao prometer perseguir os integrantes do ISIS que mataram o jornalista James Foley, Obama disse na Carolina do Norte que eliminar o grupo no Iraque e na Síria não será fácil.

“Os Estados Unidos não se esquecem, nosso alcance é longo, somos pacientes, a justiça será feita”, disse. “Remover um câncer como o ISIS não será fácil e não será rápido”.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo