Papa envia mensagem de solidariedade à família de jornalista norte-americano

Por Nadia
Papa nomeia secretário para vigiar   banco do Vaticano | Max Rossi/Reuters Papa pediu orações contra a “violência insensata” | Max Rossi/Reuters

O papa Francisco pediu orações contra a “violência insensata” e pelo “amanhecer de paz e reconciliação entre os homens”, numa mensagem lida durante missa pelo jornalista norte-americano James Foley.

A mensagem do pontífice foi lida no final da cerimônia religiosa na igreja de Rochester, New Hampshire, nos Estados Unidos, da congregação a que pertencem os pais de Foley, morto na semana passada por extremistas do Estado Islâmico no Iraque.

O papa, na mesma carta, disse que se une à dor dos parentes, amigos e colegas do jornalista e que vai rezar por Foley.

Na última quinta-feira (21), Francisco falou pelo telefone com a mãe do jornalista e, segundo os serviços de imprensa do Vaticano, “ficou fortemente impressionado pela grande fé da mulher”.

Foley tinha 40 anos e pertencia a uma família católica. Estudou na Marquette University, uma instituição acadêmica de jesuítas no estado do Wisconsin.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo