Número de mortes pelo Ebola sobe para 932, diz OMS

Por Nadia
A maioria dos 108 novos casos no período foi registrada na Libéria | Tommy Trenchard/Reuters A maioria dos 108 novos casos no período foi registrada na Libéria | Tommy Trenchard/Reuters

O número de mortos no pior surto do vírus ebola na história subiu para 932, depois que 45 pacientes morreram entre 2 e 4 de agosto, informou nesta quarta-feira a OMS (Organização Mundial de Saúde) em um comunicado.

Com 108 novos casos suspeitos, prováveis ​​ou confirmados no mesmo período, o número total chega a 1.711. Das mortes recentemente notificadas, 27 ocorreram na Libéria, que teve 516 casos e 282 mortes pela doença desde que o surto começou, em fevereiro.

A Guiné, país em que o primeiro foco da doença foi identificado, teve 10 novos casos e cinco mortes no período. Em Serra Leoa, 45 novos casos aumentaram o total para 691, com 13 mortes recentes, elevando o número de mortos no país para 286.

Na Nigéria, o quarto país atingido pelo surto, o número de casos suspeitos subiu de quatro para nove. Os dados da OMS incluem uma morte na Nigéria, de um homem que passou mal ao chegar no país em um voo que saiu da Libéria, via Gana e Togo. Uma enfermeira que tratou dele também morreu, disse o ministro da Saúde da Nigéria.

Os números da OMS não incluem um homem morto na Arábia Saudita depois de voltar de uma viagem de negócios em Serra Leoa.

Uma reunião da entidade, que termina hoje, busca entender se o surto constitui uma emergência de alcance internacional e, em caso afirmativo, o que fazer sobre isso.

Imagem mostra morfologia do vírus | Cynthia Goldsmith/CDC/Handout via Reuters/Reuters Imagem mostra morfologia do vírus | Cynthia Goldsmith/CDC/Handout via Reuters/Reuters
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo