Menina de 10 anos é detida com explosivos na Nigéria

Por Tercio Braga

A Nigéria anunciou nesta quarta-feira a prisão de uma menina de 10 anos que portava um cinturão de explosivos em Katsina, cidade ao norte e vizinha de Kano, cenário de quatro atentados suicidas cometidos por mulheres-bombas em uma semana.

Um porta-voz do governo afirmou: “As forças de ordem prenderam nesta terça-feira três supostos membros do grupo Boko Haram, entre eles uma menina de dez anos portando uma cintura de explosivos”.

Também nesta quarta-feira, seis pessoas morreram no atentado suicida em uma universidade de Kano, a maior cidade do norte da Nigéria. “Às 14h30 (10h30 no horário de Brasília), outra mulher-bomba se infiltrou entre os estudantes da escola politécnica de Kano. Seis pessoas morreram”, declarou o porta-voz do governo, Mike Omeri.

Uma enorme explosão ocorreu em meio aos estudantes que estavam reunidos em um campus de uma universidade de Kano, declarou Isyaku Adamu, uma testemunha.

A mulher visava a estudantes que esperavam se matricular no Serviço Nacional para a Juventude (NYSC). “Havia muita confusão, porque as pessoas queriam estar na lista”, explicou Isyaku Adamu.

Kano foi alvo de vários ataques recentes do Boko Haram, grupo islamita armado que deseja criar um Estado.

Loading...
Revisa el siguiente artículo