Condenados homens que mataram soldado a facadas em Londres

Por Tercio Braga
Familiares de Lee Rigby  acompanham o anúncio da sentença | Peter Macdiarmid/Getty Images Familiares de Lee Rigby acompanham o anúncio da sentença | Peter Macdiarmid/Getty Images

Michael Adebolajo, de 29 anos, e Michael Adebowale, de 22 anos, foram condenados por matar um soldado britânico a facadas em Londres. O ataque de inspiração islamita foi presenciado e filmado por pessoas que passavam.

Em um vídeo gravado por uma testemunha, um dos réus declarou que o crime foi motivado pelo fato de muitos muçulmanos morrerem, a cada dia, assassinados por soldados britânicos. Lee Rigby foi atropelado, esfaqueado inúmeras vezes e quase decapitado pelos agressores, em uma rua de Woolwich, no sudeste da capital inglesa.

Michael Adebolajo foi sentenciado à prisão perpétua, enquanto Michael Adebowale pegou 45 anos de prisão. Os dois precisaram ser retirados do tribunal nesta quarta-feira, após insultar o juiz responsável pelo caso, que leu a sentença na presença dos parentes do soldado.

A família da vítima afirmou que a justiça foi feita. O assassinato do soldado ocorreu no ano passado.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo