Ucranianos improvisam memorial para manifestantes mortos

Por Caio Cuccino Teixeira
Memorial homenageia manifestantes mortos em confronto com a polícia ucraniana | Marian Striltsiv/Reuters Memorial homenageia manifestantes mortos em confronto com a polícia ucraniana | Marian Striltsiv/Reuters

Vários ucranianos se reuniram nesta segunda-feira em frente a um memorial improvisado na Praça da Independência de Kiev em homenagem aos manifestantes anti-governo mortos em confrontos com a polícia nas últimas semanas.

Veja também
• Ex-líder da Ucrânia é procurado por ‘assassinato em massa’
• Ucrânia corrige o curso em direção à União Europeia
• Oposição responsabiliza líder pela crise e distúrbios na Ucrânia

A Ucrânia emitiu um mandado de prisão para o presidente deposto Viktor Yanukovich, que deverá responder por “assassinato em massa” de civis, nesta segunda. Além disso, o país apelou por 35 bilhões de dólares em ajuda ocidental para evitar que o país em crise entre em um colapso econômico.

O novo presidente em exercício na Ucrânia, Oleksander Turchinov, anunciou neste fim de semana que a ex-república soviética está preparada para um diálogo com a Rússia, com o objetivo de melhorar as relações. Mas, endossou que a prioridade é a volta de Kiev à integração europeia.

Marian Striltsiv/Reuters Marian Striltsiv/Reuters
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo