Cinco países recebem ameaças por causa de Sochi

Por Tercio Braga
Tropas reforçam a segurança antes do início da Olimpíada de Inverno, em Sochi | Vasily Fedosenko/Reuters Tropas reforçam a segurança antes do início da Olimpíada de Inverno, em Sochi | Vasily Fedosenko/Reuters

Comitês olímpicos de pelo menos cinco países europeus receberam ontem cartas em russo fazendo uma “ameaça terrorista” antes dos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, em fevereiro. Mas autoridades esportivas disseram que as mensagens não representam perigo.

Apesar das garantias, as cartas para os comitês da Itália, Hungria, Alemanha, Eslovênia e Eslováquia causaram breve alarme e indicaram o nervosismo em relação à segurança do evento de US$ 50 bilhões.

Atentados suicidas mataram pelo menos 34 pessoas no sul da Rússia no mês passado, militantes islâmicos ameaçaram atacar os Jogos de Inverno e forças de segurança procuram uma mulher suspeita de planejar um atentado a bomba.

Autoridades da Itália, Alemanha, Eslováquia e Eslovênia disseram que seus comitês nacionais também receberam ameaças e as repassaram para a polícia. O COI, com base na Suíça, agiu rapidamente para afastar as preocupações depois que a primeira carta foi recebida em Budapeste. Putin colocou 37 mil agentes em alerta na região.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo