Papa Francisco descreve aborto como "horrível"

Por Caio Cuccino Teixeira

O papa Francisco, frequentemente acusado por católicos conservadores de não se posicionar com suficiente rigor contra o aborto, descreveu nesta segunda-feira a interrupção voluntária da gravidez como algo “horrível”.

Esse foi o mais incisivo pronunciamento do pontífice argentino desde sua eleição, em março de 2013. A frase foi incluída em um pronunciamento anual do papa aos diplomatas credenciados pelo Vaticano.

Na segunda-feira, também, o papa pediu vontade política para terminar com o conflito na Síria e lamentou a “indiferença geral” em relação ao sofrimento dos refugiados ao redor do mundo.

Francisco pediu ainda aos 19 religiosos que receberão o título de cardeal que não encarem sua nomeação como uma promoção e não desperdicem dinheiro com  comemorações. 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo